Água de mina provoca buracos no Bom Clima

Ué! Dá até rima!

O fato aqui relatado acontece em muitos lugares de Guarulhos. A cena das fotos é o Parque Bom Clima J.B. Maciel e a avenida Tiradentes, confluência com a avenida João Bernardo Medeiros, área onde se situa o gabinete do prefeito Guti.

A região é pródiga em minas d’água. De vários pontos do parque a água brota e escorre barranco abaixo. No início da avenida João Bernardo também. Como as águas não são adequadamente canalizadas, acabam indo para o asfalto. Com o tráfego contínuo de veículos, o pavimento se deteriora.

Veja a sequência das fotos: na primeira à esquerda, a água desce pela canaleta; na segunda, o piso de lajotas cheio d’água, prejudicando a passagem de pedestres; na terceira, os buracos no asfalto provocados pelo fluxo contínuo de água, com o agravante de que há logo em seguida uma parada de ônibus: os coletivos ajudam a aumentar os buracos, os quais causam solavancos incômodos aos passageiros.

Outro local onde ocorre o mesmo problema: rua Professor Ângelo Castrucci, do número 264 até a avenida Brigadeiro Faria Lima. Constantemente são consertados buracos nessa via, decorrentes da água de minas do local.

Um círculo vicioso: ficaria bem mais barato conservar limpar e manter funcionando a tubulação para o escoamento correto dessas águas.

Ao longo da calçada que contorna o Parque Bom Clima, a água torna o chão escorregadio; se houvesse uma estreita canaleta acompanhando o muro, isso seria evitado.

O calçamento com lajotas também requer reparos.

A sugestão será enviada à Assessoria de Imprensa para encaminhamento ao setor da Prefeitura que possa tomar as providências cabíveis.

Valdir Carleto