Alckmin apenas adiou a reorganização

“Alunos continuam nas escolas em que já estudam. Os debates serão feitos em 2016. Recebi e respeito a mensagem dos estudantes e seus familiares em relação à reorganização. Por isso decidimos adiar a reorganização e rediscuti-la escola por escola”.

Com essa fala, o governador Geraldo Alckmin iniciou a entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes na tarde desta sexta-feira.

Embora fontes do governo tenham anunciado que ele estaria recuando da decisão de reorganizar as escolas, Alckmin apenas adiou a implantação do novo sistema. Afirma que irá rediscutir com a população, escola por escola. Porém, se continuar irredutível como nas audiências e reuniões anteriores, nada garante que as escolas serão desocupadas.

Pode ser que essa suposta disposição para o diálogo desmobilize os ocupantes. Porém, se as ocupações continuarem, o recuo tímido que ele aceitou hoje não será suficiente. E aí ele terá de cancelar de fato a polêmica reorganização.

Valdir Carleto