Alunos da rede estadual realizam intercâmbio cultural na Ásia e na Europa

Cinco alunos dos Centros de Estudos de Línguas (CELs) da rede estadual viverão uma experiência única na Alemanha e no Japão. Para aperfeiçoar o idioma que estudam, três deles acabam de chegar ao país oriental para uma visita de duas semanas, e dois embarcam nos próximos dias para a Europa para um intercâmbio de quase um mês, sorteados entre os melhores alunos do curso de alemão.

Os estudantes selecionados para a visita ao Japão estudam nos CELs de Cotia (Escola Estadual Pedro Casemiro Leite), São José dos Campos (Escola Estadual Professor José Vieira Machado) e São Paulo (Escola Estadual Alexandre de Gusmão). Os alunos concorreram com outros 10 jovens brasileiros e foram avaliados de acordo com a capacidade de conversação no idioma, já que irão se hospedar na casa de famílias japonesas, com auxilio da Fundação Japão São Paulo.

No CEL da capital, também estudam os dois jovens que embarcam para a Alemanha e que participaram de um sorteio entre os 19 alunos do curso de alemão que obtiveram nota máxima em exames de proficiência realizados em 2014, em parceria com o Instituto Goethe.

Preferência pela língua oriental

Levantamento feito pela Secretaria da Educação mostra que a preferência dos alunos por idiomas orientais aumentou. Em 2014, foram 1,5 mil cadastros nos cursos gratuitos de japonês e mandarim frente a cerca de 850 em 2012. Um aumento de 74,5%. Além de ser um diferencial para o currículo e para o mercado de trabalho, há a riqueza cultural. No caso do japonês, os animes e mangás são fortes aliados ao ensino do idioma e auxiliam os jovens que procuram exclusivamente pela língua oriental