Capacitação é a saída para a crise, vamos apostar no conhecimento?

As pessoas têm diferentes reações diante das adversidades, os estudos sobre o comportamento humano apontam que a maioria das pessoas tende a permanecer em estado de inércia, dado que o ser humano, naturalmente, é reativo às mudanças que o impulsiona a sair da pseudozona de conforto, mais propriamente definido como sentimento de acomodação.

Mas, os momentos mais adversos são aqueles propícios às alterações, pois existe uma ruptura com as benesses da situação ordinária e a necessidade de buscar novos caminhos. O Brasil acumulou historicamente um grande estoque de demandas sociais, as quais precisam ser corrigidas estruturalmente, não sendo passível de soluções rápidas e imediatas. As deficiências da mão de obra afetam a produtividade nacional, estimada em somente 20% da americana.

Este aspecto é altamente complexo e deriva ações diferenciadas tendo como objeto de análise o perfil do público alvo. Pensar em cursos de engenharia para suprir a lacuna estrutural no País é meritória, assim como estimular mais “mentes brilhantes” para doutoramentos em temas complexos de exatas. Mas, considerando a imensa dívida social, não se permite atuar somente na ponta do processo. É inegável que o maior contingente de demandas sociais decorre de pessoas já em atividades economicamente ativas, com claras deficiências estruturais que se acentuam com as mudanças da sociedade.

A solução passa pela capacitação, a aposta no conhecimento, por meio da oferta de cursos diferenciados em termos de conteúdo e estrutura. A AGENDE Guarulhos, em parceria com a Prefeitura de Guarulhos, desenvolveu uma intensa curva de aprendizagem com a formatação de cursos, tais como:

  • Programa Jovem Trabalhador – O Programa Jovem Trabalhador é destinado aos jovens de 16 a 21 anos, em busca de seu primeiro emprego, com três eixos principais: gestão e negócios, hospitalidade e lazer e informação e comunicação. Os educandos bolsistas recebem material didático, bolsa auxílio, vale-transporte, vale-refeição e seguro de acidentes pessoais. O objetivo primordial do programa é o de fornecer aos jovens participantes um conhecimento técnico e prático que lhes possibilite maiores oportunidades de ingresso no mercado de trabalho.
  • Programa Bolsa Trabalho – Tem como objetivo global proporcionar aos cidadãos desempregados uma bolsa educação voltada para a preparação e formação integral do indivíduo, levando em conta o mundo de trabalho e a escolaridade. O Programa Bolsa Trabalho está destinado ao perfil de pessoas de 21 a 64 anos de idade. Os educandos bolsistas recebem material didático, bolsa auxílio, vale-transporte, vale-alimentação, seguro de acidentes pessoais e curso de qualificação para o desenvolvimento de habilidades básicas de gestão específica. A AGENDE Guarulhos opera o Bolsa Trabalho em sintonia com a Secretaria do Trabalho.
  • PA – Inclusão Digital – Tem o objetivo de capacitar e incentivar a população, em especial as comunidades carentes, ao uso da tecnologia da informação, promovendo a Inclusão Digital. Além disso, oferece espaços públicos gratuitos, para que as pessoas possam utilizar ferramentas da tecnologia da informação. O Programa dispõe da ferramenta computador para que o educando bolsista possa apropriar-se do curso Básico em Informática. Com 14 (quatorze) Telecentros instalados nas comunidades carentes de Guarulhos, que atendem adultos, jovens, adolescentes e crianças a partir de 4 anos de idade.
  • Programa CEU – Centro Educacional Unificado – O Programa, desenvolvido em sintonia com a Secretaria de Educação, atende crianças matriculadas na unidade escolar da rede municipal de ensino. Participam do programa os educandos do ciclo II da Educação Infantil (4 e 5 anos de idade) e os anos iniciais do ensino fundamental (6 a 10 anos). O Programa também se estende à comunidade nas áreas de Cultura, Esporte, Recreação e Lazer (Educativo). O programa foi desenvolvido para ministrar e coordenar oficinas e cursos, os quais têm como objetivo global proporcionar o complemento do aprendizado e a formação integral dos alunos.