Casal brasileiro reinventa maca para animais, com material sustentável

64

 

Junção de maca com andador permite maior mobilidade e conforto para cães e gatos

Quedas, atropelamentos ou lesões nervosas causadas por doenças infecciosas, como a cinomose, podem provocar dificuldade de locomoção nos animais. Em lesões nervosas a dificuldade de se locomover pode ser parcial quando o animal sente os membros, mas tem dificuldade para andar, ou total quando existe ou não sensibilidade nas patas, mas o animal não se locomove caracterizando uma paralisia.

Há inúmeros modelos de cadeiras de rodas no mercado, mas o uso dessas cadeiras esbarra na espera pelo tempo necessário para fabricá-las e enviá-las para o domicílio do cão ferido já que são feitas por encomenda, devido à necessidade de tomar as medidas do animal. Algumas são artesanais, mais resistentes, pesadas e volumosas e oferecem uma capacidade limitada para adaptar-se ao animal em particular. Para facilitar a vida e a locomoção de cães e gatos, Ugo Lui Junior e Verônica Godoi Lui desenvolveram a maca e carrinho para animais deficientes. Uma inédita junção de maca e andador para cães e gatos feita em P.V.C.

A maca apresenta como principais benefícios e diferenciais o conforto que proporciona ao animal, os pontos de apoio que existem para evitar a fadiga, contribuindo para a musculatura e distribuição apropriada do peso, permite que o animal urine e defeque sem dificuldades e facilita a locomoção, além de ser adaptável a qualquer animal, sendo facilmente manuseado pelo dono.

13102690_998020906942828_4495809741193305767_n

O casal inventor já possui proteção legal do projeto além de estudos de seu funcionamento, sendo que agora procura empresas e parceiros que queiram investir na ideia e disponibilizá-la em escala no mercado.

Para mais informações, representações ou distribuições, entre em contato pelo próprio site ou com seus procuradores – Associação Nacional dos Inventores, através do telefone (11) 3670-3411 ou e-mail inventores@inventores.com.br.