Cassiano Meirelles na Vila Augusta

Val Oliveira

Fotos: Raphael & Michaela fotografias/Patricia Bolos Meirelles

Natural de Cachoeira Paulista/SP, casado há 14 anos com Patrícia Meirelles, pai de Dante, 13, e Guilherme, 9, Cassiano de Meirelles Júnior, 34, também conhecido por Juninho, é um missionário que atua pela Canção Nova e um cantor muito popular entre a comunidade católica. É dele a responsabilidade de embalar corações e almas no dia 12/06, dia dos namorados, na festa de Santo Antônio, na Vila Augusta. Para a ocasião o cantor promete, além de muita música e louvor, alegria e momentos fortes de oração. Na entrevista a seguir, conheça um pouco mais a  atração máxima da festa de Santo Antônio 2016.

Com quantos anos começou a cantar?

Com 16 anos, no Grupo de Jovens da minha cidade.

Conte-nos um pouco como foi o início da sua carreira como músico. Como foram os primeiros passos?

Minha história com a música começou em 1996, em um Grupo de Jovens da Canção Nova, chamado Canção Jovem. Uma missionária, Enilda Rocha, da Comunidade Canção Nova, em uma noite abençoada daquele grupo, profetizou ousadamente que Deus me concedia o dom de cantar e tocar, que um dia eu estaria na Canção Nova servindo a Deus nesse ministério.

Quais foram as maiores dificuldades que você encontrou para conseguir realizar o sonho de cantar?

Depois de ser agraciado por aquela profecia de Deus, eu me determinei a aprender a tocar violão e, posteriormente a cantar. O maior desafio ou dificuldade foi fazer isso sozinho. Naquele tempo, não tive o apoio da minha família e precisei buscar meios para desenvolver esse dom de Deus. Tudo que aprendi foi única e exclusivamente pela graça de Deus. O segredo para chegar até aqui: fidelidade e determinação.

Raphael-&-Michaela---Fotografias1O que o motivou a seguir carreira solo?

Na verdade, eu nunca me vi sozinho. Seguir “carreira solo” foi um grande desafio para mim. Contudo, em 2012, Deus me pediu para abrir mão de tudo, dos meus sonhos, meus desejos, meus projetos, correspondendo na totalidade da minha vida o chamado que Ele mesmo havia feito. Eu fazia parte de uma banda chamada IGNIS. Lançamos o nosso CD em Julho/2012 no Acampamento PHN. Tínhamos muitos planos, sonhos, projetos para o ano seguinte, mas o propósito de Deus na minha vida era outro. Conclui meu caminho vocacional e no final de 2012, pedi o desligamento da banda e ingressei na Comunidade Canção Nova.

Quantos CDs você já gravou?

Gravei 02 Cds (Quero Ser Livre – Banda Ignis e Mais de Deus – solo). Fiz participações no CD do Flavinho (Comigo Estás), Salette Ferreira (DVD Restaura a Nossa Casa), e outros projetos internos da gravadora Canção Nova.

Em média, quantos shows você faz por mês?

Na Canção Nova nós vivemos na dinâmica das missões. Tudo é missão. Shows, noite de louvor, encontros, kairós, entre outros é parte do ministério. Realizamos, em média, 70 missões durante o ano.

O que mais o encanta no público durante as suas apresentações?

A alegria, a entrega nos momentos fortes de oração.

O que os paroquianos de Santo Antônio de Pádua podem esperar para o show do dia 12/06? Está preparando um set list especial ou alguma outra surpresa? Qual a sua expectativa para esse show?

Podem contar com um show de evangelização, uma noite de encontro pessoal com Jesus na eficácia do Espirito do Santo. Um repertório novo, músicas inéditas, que com certeza irão tocar os corações de todos que ali estiverem. Espero que seja uma noite abençoada, na qual Deus possa se manifestar abundantemente em nossas vidas.

Raphael-&-Michaela---FotografiasComo é seu cotidiano e o seu trabalho missionário na Canção Nova?

Atualmente eu trabalho no Ministério de Música da Canção Nova. Sou responsável por todos os cantores e pela organização das escalas em todos os eventos.

O que fazia antes de exercer a atual profissão?

Antes eu trabalhava na administração do estúdio da gravadora CODIMUC.

Você sempre esteve na caminhada ou isso é algo que tomou força com o tempo? Como foi a sua inserção na Igreja Católica?

Desde criança sempre fui incentivado, principalmente pela minha avó materna, a participar da Igreja. Nossa experiência com Deus precisa ser atualizada todos os dias. Quanto mais fiéis na caminhada, mais constância adquirimos e muito mais Deus vai nos confiando.

Sente-se realizado com a carreira escolhida?

Sim, sinto-me realizado e feliz correspondendo a vontade de Deus.

O que mais o orgulha ou o orgulhou nesse tempo todo?

Uma das minhas maiores alegrias e orgulho é ver meus filhos no caminho de Deus.

O que acredita ser a sua melhor qualidade?

Paciência.

Que mundo sonha deixar para seus filhos e netos?

Meu desejo é que sejam, antes de tudo nessa vida, plenamente de Deus. “Buscai a Deus em primeiro lugar e a sua Justiça, e tudo mais vos será dado.” (Mt. 6, 33)

Você tem uma grande saudade? Qual?

Saudade da minha avó e do meu pai.

Se pudesse voltar atrás, o que mudaria em sua trajetória?

Se eu pudesse, não tomaria certas decisões que me levaram por algum momento da vida para longe de Deus.

Quais os seus planos para o futuro? Você está gravando um novo CD? Como, onde e quando será gravado?

Tenho muitos projetos pessoais que quero realizar, mas isso vai acontecer do tempo de Deus e se for a vontade dele. Deus já me inspirou várias canções inéditas, algumas já estou cantando, mas quero trabalhar um pouco mais o CD “Mais De Deus”, para então partir para um segundo CD.

Deixe a sua palavra final e um convite para todos os guarulhenses estarem em seu show no dia 12/06.

Quero convidá-los para estarem, no dia 12 de Junho, na Festa de Santo Antônio. Tenho certeza de que Deus fará muito em nossas vidas. Você que deseja fazer uma profunda experiência com o amor de Deus não pode deixar de participar desse momento forte de Evangelização. Espero por você e toda sua família.

Jogo rápido:

Música: Dom de Deus
Time do coração: São Paulo
Filme: Quarto de Guerra
Ídolo: A Trindade Santa
Viagem: Para as Montanhas
Livro: A Palavra de Deus
Deus: A razão de tudo