Cecap reclama de vazamento, mato alto e de abandono; Sabesp responde; Proguaru rebate

Água acumulada no cruzamento da av. Odair Santaneli com a av. Monteiro Lobato - Foto: Alexandre de Paulo

Moradores do Parque Cecap, berço do Jornal Olho Vivo, do qual o Click Guarulhos é o sucessor digital, queixam-se de que há vários fatores que demonstram que o bairro está abandonado pela administração pública.

Uma das reclamações refere-se a um vazamento, verificado na esquina da avenida Odair Santaneli com a alameda das Papoulas, ao lado do condomínio Rio de Janeiro, o que motivou a realização de um serviço pela Sabesp e a consequente interdição de metade do leito da via.

O Click enviou a demanda à Sabesp, que respondeu:

“A Sabesp informa que vistoria realizada na terça-feira (28/05) no endereço constatou que não existe vazamento em suas redes de água e de esgoto. No local, há água de chuva acumulada e uma galeria de águas pluviais, cuja manutenção não é de responsabilidade da Companhia.”

“Na via em questão, há cones colocados pela Sabesp para sinalizar um assentamento de rede de água, com extensão de 4 km, que vai melhorar o abastecimento no bairro. No trecho citado pelo  portal Click Guarulhos, em frente ao condomínio Rio de Janeiro, os serviços devem ser concluídos até esta quinta-feira (30/05).”

“A Sabesp pede desculpas pelos eventuais transtornos e informa que está à disposição pelos telefones 195 e 0800 011 9911 (ligações gratuitas) ou pela Agência Virtual no site www.sabesp.com.br. Os clientes também podem utilizar o aplicativo da Sabesp para Android e iOS.”

Diante da resposta, o portal enviou questionamento à Proguaru, que assim respondeu:

Após vistoria realizada no local, verificou-se que a água que está jorrando na avenida Odair Santanelli com a avenida Monteiro Lobato é limpa e, ao que parece, não se trata de água de chuva. A empresa tentará por meio do caminhão hidrojato realizar a manutenção em uma boca de lobo; no entanto, irá notificar novamente a Sabesp sobre o problema.

Água acumulada no cruzamento da Odair Santaneli com a av. Monteiro Lobato – Foto: Alexandre de Paulo/Click Guarulhos

Outros problemas

Além dessa questão, moradores apontaram o mato alto, na lateral da avenida Odair Santaneli, nas proximidades do estacionamento do Clube do Cecap. “Isso afeta diretamente a segurança dos pedestres; dá até medo passar por aqui. Quanto tempo faz que ninguém corta esse mato?”, perguntou uma senhora, que reside no condomínio Minas Gerais. Um senhor que mora no condomínio Rio de Janeiro e passava pelo local quando a Reportagem do Click produzia as fotos disse que recentemente uma equipe esteve roçando o canteiro junto à calçada do condomínio, mas do lado contrário não.

No espaço entre a avenida Monteiro Lobato e a alameda das Papoulas, há lixo acumulado e restos de alimentos, provavelmente jogado por um cidadão em situação de rua, que se abriga numa barraca no canteiro central da avenida. Quando está sob efeito de bebida ou outras substâncias, há relatos de que ele se torna agressivo, tanto com motoristas no farol quanto com pedestres. A equipe do Click Guarulhos não conseguiu se aproximar para ouvir o que ele teria a dizer, porque os cães que o acompanham avançaram sobre o repórter-fotográfico.

Outra queixa é que consideram ruim a qualidade na reconstrução do pavimento que havia sido removido para instalação de uma nova adutora pela Sabesp. “Além da demora em tapar os buracos, como esse na porta do condomínio Rio de Janeiro, o que nos obriga a conviver com a poeira durante todo esse tempo, causando problemas respiratórios às pessoas, ainda fizeram um serviço que dá para notar que é malfeito”, desabafou outro munícipe.

Morador reclama da qualidade do serviço executado em frente ao Condomínio Rio de Janeiro – Foto: Alexandre de Paulo

Essas reclamações serão encaminhadas à Prefeitura, Proguaru e à Sabesp. Assim que houver respostas, serão publicadas.