Coluna do Carleto – Edição 395

“Minha fatec”

Foi inaugurada na quarta-feira, 4, a nova unidade da Fatec Guarulhos, no Parque Cecap, ao lado da Diretoria de Ensino Guarulhos-Norte, com a presença do governador Geraldo Alckmin, do vice-governador Márcio França e do prefeito Guti. Digo “minha” por ter sugerido o local para sua instalação.

Como foi isso?

Em 2011, o então secretário de Assuntos Metropolitanos, Edson Aparecido, visitou o prefeito Sebastião Almeida, que reivindicou que o Estado construísse uma unidade própria para a Fatec, que funcionava de forma precária em um prédio alugado pela Prefeitura, no Centro. Aparecido indagou se era possível o Município ceder um terreno; Almeida disse que não. Eu ali estava cobrindo a visita, pedi a palavra e sugeri a área vizinha à DRE-Norte, que já era do Estado. Almeida aprovou a sugestão, Aparecido anotou-a; em 2012, foi anunciado que a nova sede seria construída no local sugerido por mim, o que me deixou muito feliz e realizado, pois considero um local muito adequado para atender jovens de toda Guarulhos e região.

Indicação em 2003

Quando era deputado estadual, Paulo Sergio, atual presidente do Ipref, apresentou indicação ao governo estadual, propondo a instalação da Fatec em Guarulhos. Demorou, mas saiu: em 2011, veio a sede provisória e agora um prédio compatível com a atividade e com o porte de Guarulhos: 22 salas e 17 laboratórios. Ao todo, poderá atender a 4 mil alunos.

Novos cursos

Na solenidade, a diretora superintendente da Fundação Paula Souza, Laura Laganá, anunciou que no segundo semestre serão criados mais dois cursos de nível superior: gestão de produção industrial e comércio exterior. Para 2019, a pedido do prefeito Guti, está prevista a instalação de cursos voltados para a indústria.

Obras da ETEC

O prédio ao lado será uma Etec, escola técnico de nível médio. Faltam detalhes no acabamento e nas instalações.

Que dória, que nada!

Tanto na inauguração das estações da linha 13-Jade da CPTM, quanto na da Fatec, os holofotes foram direcionados ao vice-governador Márcio França, que assume o Palácio dos Bandeirantes nesta sexta-feira e disputará a eleição, visando ficar no cargo por mais quatro anos. Alckmin referiu-se a ele várias vezes. Mesmo quando citou inaugurações na Capital, nem tchuns para o prefeito renunciante João Dória, que disputará o governo pelo PSDB e, pelo visto, será abandonado por boa parte do partido.

RB no governo de SP?

Muito próximo de França, o secretário de Desenvolvimento Econômico de Guarulhos, Rodrigo Barros, é cogitado para ocupar o cargo semelhante no governo do Estado, já que, assim que assumir, o novo governador deve tirar do time todos que não o apoiarem na campanha.

Se acontecer…

Caso RB vá mesmo para o Estado, o diretor Adam Kubo é cotado para tocar a Sdeceti. Se por pouco ou muito tempo, as urnas paulistas dirão.

Defesa de Zeitune

O professor de Direito Leonardo Freire Pereira assumiu a defesa do vice-prefeito Alexandre Zeitune na CEI instalada na Câmara Municipal. Seu pai, Clóvis Brasil Pereira, foi quem me defendeu em inúmeros processos a que respondi no Olho Vivo. A mãe, Mirian Freire Pereira, foi secretária Jurídica nas gestões de Pietá.

Lixo incompatível

Ao lado da grade do Hospital Geral, no Cecap, um cidadão que toma conta de carros estacionados improvisou ali sua residência e acumula todo tipo de detritos. Ainda que se considere a questão social, é inaceitável, por ser junto a um estabelecimento de saúde.

E se fosse longe?

Em 5 de março, avisei a Assessoria de Imprensa da Prefeitura sobre entulho jogado na rua Manoel Bernardo Medeiros, a poucos metros do gabinete do prefeito. Em 19 de março, reiterei. Informaram que a Secretaria de Serviços Públicos iria remover os detritos. Mas, na quarta-feira, dia 4 de abril, ainda estavam lá.