Coluna do Carleto – Edição 399

Cuidado com ele!
Esse buraco traiçoeiro tem danificado suspensões de veículos, no acesso do viaduto Cidade de Guarulhos à rodovia Dutra, quase ao chegar na confluência com rua Padre Celestino. É difícil notá-lo a tempo. Logo na sequência, há outra tampa de poço de inspeção do Saae em desnível; porém, menos grave.

Com razão
Não resta dúvida de que a paralisação dos caminhoneiros ganhou a adesão popular, porque o povo não aguenta mais ser tão maltratado pela classe política. Ninguém tira a razão da categoria em lutar por melhores condições de trabalho e de ganho. Porém, no final das contas, quem irá pagar cada centavo reduzido no preço do óleo diesel será a população, incluindo quem sequer tem carro. Ao reonerar a folha de pagamento de diversos setores da economia para compensar a queda na arrecadação, fatalmente alguns preços ao consumidor subirão.

Sem razão
Enquanto aplaudia a garra dos caminhoneiros, o povo caía nas garras de comerciantes inescrupulosos, que se aproveitaram da situação para elevar os preços de diversos produtos, incluindo gêneros de primeira necessidade.

Movido a gasolina
O povo brasileiro é incoerente. Aplaude os caminhoneiros que pararam para baixar o preço do óleo diesel, mas faz fila de até dez horas e topa pagar mais caro pela gasolina e pelo etanol, porque não suporta fazer o sacrifício de ficar a pé por uns dias.

Lista de bons postos
Não faltaram flagrantes de postos que, valendo-se do desespero dos consumidores, venderam gasolina adulterada, alguns contumazes nessa prática nefasta. Na contramão, propus no Facebook que internautas citassem os postos nos quais costumam abastecer e onde nunca tiveram problemas com a qualidade do combustível. Em resposta, mais de cem comentários, de cujas informações quais elaborei uma lista e postei no portal Click Guarulhos, obtendo alguns milhares de visualizações no fim de semana. Acesse: clickguarulhos.com.br

Solto e caladinho
Notícia repetida? Não! O fato é que se repetiu. Graças a habeas-corpus concedido por Gilmar Mendes, o articulador Paulo Preto, acusado de fraudes em obras do goveno paulista, foi solto, de novo! Assim tucanos graúdos livram-se de serem delatados.

Ói, ói o trem…
“Vem surgindo de trás das montanhas azuis, olha o trem”, cantava o Maluco Beleza Raul Seixas. Pois o trem de Guarulhos finalmente começou a funcionar a pleno vapor (ops! com toda energia). Desde segunda-feira, opera das 4h da madrugada à meia-noite, da estação Aeroporto a Engenheiro Goulart. Sai um trem a cada meia hora e o percurso é de 14 minutos. A tarifa, R$ 4.

Via sacra
Passageiro que venha do interior paulista para embarcar no Aeroporto de Guarulhos descerá na estação Tietê, pegará o metrô até a Sé, mudará para a linha Vermelha até o Brás, onde tomará o trem até Engenheiro Goulart. De lá, irá de trem até a estação Aeroporto, onde pegará um ônibus até o terminal de embarque. Ufa!

Velha guarda
Esteve em Guarulhos no feriado o jornalista Edson Alves, que era conhecido como Biro-Biro e trabalhou comigo no Olho Vivo, nos anos 1980. Juntos, fomos visitar o colega Castelo Hanssen.

Bom exemplo
Atualmente, Edson assessora o vereador Pedro Roberto (PRP), em São José do Rio Preto, o qual tem apresentado interessantes projetos na área ambiental. Um de seus feitos foi conseguir que o Ministério Público apure superfaturamento na coleta de lixo. Espera-se a recuperação de R$ 12 milhões aos cofres da prefeitura local.

Pedestre sofre!
Já me referi a isso há meses, sem solução. Assim como em outros locais da cidade, o pedestre é esquecido: não deixam espaço ou condições para que trafegue nas calçadas, obrigando-o a andar pelo leito da rua. Nesse caso, esquina das ruas Delezinho Almeida Franco e Antonio Marques Luiz, em pleno Jardim Maia.