O  Conservatório Musical de Guarulhos está comemorando neste mês de agosto 53 anos de ininterrupto funcionamento. Fundado pelo maestro Armando Attilio Colacioppo Sobrinho, ocupa desde 1963 o mesmo espaço em um pequeno prédio na rua João Gonçalves.
Por influência do pai, Fernando Colacioppo, Armando e seus seis irmãos estudaram música. Aprendeu vários instrumentos: piano no Conservatório Musical Carlos Gomes, em São Paulo, fez especializações no Conservatório Dramático e Musical de São Paulo; depois o curso de composição e regência na Escola Nacional de Música do Rio de Janeiro. Para ser maestro de corais, cursou canto orfeônico, na Escola Estadual Caetano de Campos, em São Paulo.

conservatorioVeio para Guarulhos no início dos anos 1960, quando o professor Adolfo Vasconcelos Noronha era chefe de gabinete do prefeito Fioravante Iervolino. Noronha convidou Armando e seu irmão Tullio para implantar o Conservatório Municipal de Guarulhos. Armando foi o primeiro diretor e depois ficou só lecionando e Tullio assumiu a direção. Na ocasião, o maestro notou que havia espaço para instalar um conservatório particular, independente, no que foi incentivado e apoiado pelos professores Adolfo Noronha, Gasparino José Romão e Laerte Romualdo de Souza, além famílias Poli e Turri. Seus irmãos, os maestros Ormando e Ernando foram alguns dos primeiros professores.

Colacioppo calcula que o Conservatório Musical de Guarulhos tenha formado 250 alunos, entre professores e técnicos profissionalizantes. “Professores podem lecionar educação musical e os instrumentos nos quais se especializaram em conservatórios e no primeiro e segundo graus. Já os técnicos, só em conservatórios”, explica. Alguns desses formados ocupam posições importantes em orquestras até em outros países, o que é motivo de orgulho para o fundador.

conservatorio-musical-de-guarulhosVisando manter a constante atualização da escola, ele, sua esposa Vilma, que é diretora administrativa, e os professores procuram fazer novos cursos, participar de congressos, seminários e exposições. Para exemplificar como alia a tradição à modernidade, ele diz que seu conservatório, além de ensinar todos os instrumentos e canto, também trabalha com música eletrônica e dá formação musical a crianças, de seis anos em diante.