Empresários, cuidado com o golpe do boleto bancário

Empresários precisam estar atentos a um possível golpe feito por uma empresa chamada Sistema Nacional de Consultas Cadastrais (SNCC), a qual encaminha boletos bancários para empresas de médio e pequeno porte, e até para microempreendedores individuais (MEIs), por meio de correspondências via Correios. O documento cobra uma taxa de R$ 382,50 e dá direito a um ano de consultas a CPFs, CNPJs e cheques.

O problema é que muitos destinatários, por desatenção, podem pagar o boleto desnecessariamente, pois no corpo do próprio documento consta os seguintes dizeres: “Boleto Proposta, facultativo, para afiliação ao sistema SNCC”

Verificação do cadastro da empresa no site da Receita Federal mostra que o SNCC pertence a dois sócios e possui capital de R$ 200 mil.

No principal site de reclamações do país, o Reclame Aqui, o SNCC possui uma avaliação ruim, considerada “não recomendada” pela maioria dos usuários que se sentiram prejudicados pelo modo de prospecção de clientes utilizado pela empresa.

O serviço de consulta conta com uma nota de 1,93, numa escala que vai de um a 10. Apenas 4,2% dos que reclamaram fariam negócios com o SNCC novamente, conforme dados do Reclame Aqui.