EPG Giseli Lazarini recebe a exposição “Vidas Refugiadas”

A exposição itinerante “Vidas Refugiadas” chegou à Escola da Prefeitura de Guarulhos (EPG) “Giseli Lazarini da Silva Portela”. O projeto de autoria e curadoria de Gabriela Cunha Ferraz é composto por 22 imagens do fotógrafo Victor Moriyama, retratando o cotidiano de oito mulheres refugiadas no Brasil. As fotos revelam necessidades, dilemas e conquistas destas mulheres para a construção de dias melhores.

A diretora da EPG, Luciene Almeida Andrade, explica que, “após estudos e discussões sobre características, desafios e papel da escola no território do Sítio São Francisco, a escola decidiu proporcionar aos alunos e à comunidade a exposição, que se revela como  ferramenta pedagógica capaz de proporcionar reflexões políticas culturais através da explanação e observação de obras artísticas que positivam olhares no combate ao preconceito e desigualdades.

O subsecretário da Igualdade Racial, Anderson Guimarães, pontua que a transformação de sociedade que precisamos acontecerá principalmente através da educação. “É uma oportunidade ímpar esta iniciativa e agradecemos à equipe da EPG Giseli Lazarini, à Secretaria da Educação e à Secretaria da Cultura pela parceria”. 

A exposição permanecerá na escola até o dia 4 de agosto, aberta ao público em geral e gratuita. Para saber como levar a exposição para outras escolas, entrar em contato pelo telefone: 2409-6843.