Experiência genética reduz mosquitos em Piracicaba

A Prefeitura de Piracicaba fez uma experiência no bairro Cecap/Eldorado, com mosquitos geneticamente modificados com uma técnica desenvolvida pela empresa Oxitec, de origem britânica.

Os mosquitos machos dessa linhagem, ao cruzarem com fêmeas, fazem com que as larvas daí resultantes morram antes de chegarem à idade alada. Como as fêmeas não aceitam ser copuladas por outros machos, isso fez com que fosse reduzido em 82% o índice de larvas do Aedes aegypti na região do experimento. Em consequência, o número de casos de dengue, zika e chikungunya também caiu drasticamente.

Agora, a Prefeitura de lá pretende repetir os testes em outros bairros. A empresa planeja fazer altos investimentos no desenvolvimento da nova técnica.