Jovens do Casa Guarulhos treinam com time de futebol para amputados em Mogi

Três adolescentes que cumprem medida socioeducativa no Casa Guarulhos, unidade da Fundação Casa na cidade, tiveram um sábado diferente da rotina no dia 2 de fevereiro. Eles acompanharam o treinamento da equipe de Futebol para Amputados do Corinthians/Mogi, no Parque da Cidade, em Mogi das Cruzes.

Muito mais do que assistir, os jovens também jogaram uma partida com os profissionais. O amistoso terminou empatado em 2 a 2. “Foi uma visita cultural que acabou se tornando uma grande experiência para esses adolescentes em medida socioeducativa”, disse o diretor, Carlos Henrique da Silva.

Os jovens foram recebidos pelo jogador Rogerinho, que atua pelo Corinthians/Mogi e é figurinha carimbada nas convocações da Seleção Brasileira. Foi pela Seleção, inclusive, que ele conquistou o mais importante título na carreira, o de terceiro lugar na Copa América de Amputados, disputada em novembro passado, no México.

Rogerinho também contou sua história para os adolescentes e falou sobre como o time do Corinthians/Mogi se tornou uma referência na modalidade, conquistando vários títulos e se tornando praticamente a base da Seleção.

Na roda de conversa, os jovens também trocaram experiências com outros atletas da equipe. Os jogadores contaram um pouco das histórias de como sofreram as amputações e como esse evento mudou a vida deles, mas, por outro lado, abriu uma oportunidade para dar a volta por cima por meio do esporte.

“Um dos casos que mais chamou a atenção foi o de um atleta que teve sua motocicleta roubada. Ele acabou levando um tiro e teve de amputar a perna. Isso impactou muito os adolescentes, fazendo com que eles pensassem na gravidade de algumas de suas ações”, comentou o diretor.