Mais de 300 foliões participam do Carnaval no CCI Gopoúva

Foto:Sidnei Barros/PMG

O salão ficou tomado pelas mais de 300 de pessoas com mais de 60 anos que participaram nesta quarta-feira (27) do Grito de Carnaval no Centro de Convivência do Idoso (CCI) Gopoúva. Fantasiados de pirata, romano, havaiana, deusa grega, ciganos, entre outros, ou apenas enfeitados com adereços como máscaras, tiaras ou colares, a turma da melhor idade dançou e brincou no baile animado pelo DJ Alan Soares e pelos cantores Cowboy Félix e Adriano dos Teclados.

Aos 75 anos, Alice Pinto da Silva Portela, se vestiu de Fada Azul para a folia. “Sempre fui alegre e adoro Carnaval. Nem sinto dor quando danço. Só depois, em casa, vou sentir um pouco, mas aí deito e passa”, explicou rindo a idosa que pratica vôlei no CCI.

De cartola e terno branco como o manda o figurino de um verdadeiro mestre-sala, Ivo de Souza, 71 anos, riscava o chão com passos de dança acompanhando a esposa, Isabel Moreira, 67 anos, que trajava fantasia de porta-bandeira. “Somos páreo duro na animação. Quando um cai, o outro puxa e levanta. Curtimos muito dançar, especialmente no Carnaval”, afirmou Isabel.

Promovido pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social (SDAS), o baile contou ainda com as presenças do secretário da pasta, Alex Viterale; da secretária-adjunta, Claudia Papotto, que premiou três foliões com as Melhores Fantasias, e do padre da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, Cleber Leandro, que abençoou os presentes.

Melhores Fantasias

Ao todo, 17 pessoas com os mais diversos tipos de trajes concorreram ao Concurso da Melhor Fantasia, que teve como jurado o próprio público do baile. Os três vencedores foram Lidia Magalhães, com a fantasia Deusa Grega, Paulo Mendes, como Romano, e Ivo de Souza, o Mestre-Sala.