Motociclista sofre dois atropelamentos e morre na Dutra

Um pneu furado na moto da vigilante Cíntia de Araújo, de 25 anos, acabou provocando indiretamente sua morte, por volta das 6h da manhã de domingo, 14, na via Dutra, proximidades da confluência com a rodovia Fernão Dias.
Ela e uma amiga caíram da moto quando o pneu furou, mas sem consequências graves. Quando ela foi retirar o veículo da pista para evitar que um acidente acontecesse, foi colhida por um carro. Há contovérsias quanto ao veículo que a atropelou. Há o registro de que o motorista evadiu-se sem prestar socorro e outro de que Marcelo Gomes da Silva era o condutor e teria parado para socorrê-la.
O que se sabe, com certeza, é que quando Marcelo buscava ampará-la ambos foram atropelados por um outro veículo, que não parou.
Ele foi levado para o Hospital Geral de Guarulhos, em estado grave. Na noite de domingo, passaria por uma cirurgia no braço, mas já não corria risco de morte. Cintia, entretanto, faleceu no local.

(foto: reprodução de imagem da TV Globo)