Paciente reclama de orientação divergente na Policlínica Paraventi

Usuário do sistema público de saúde se queixa que na segunda-feira, 4, pela manhã, ligou na Policlínica Paraventi, perguntando se havia clínico atendendo. Segundo ele, foram duas chamadas. “Na primeira tentativa uma moça chamada Ariane disse que só estava atendendo urgência e emergência; na segunda tentativa, uma moça chamada Silvania disse que não havia clínico atendendo”, disse Bruno Lopes.

“Eu estava passando muito mal, então peguei o carro fui verificar pessoalmente. Chegando lá, havia clínico atendendo normalmente, passei em consulta e fui medicado. Quando fui embora liguei mais uma vez só pra confirmar, e disseram que não havia clínico. A policlínica estava vazia, ou seja, estavam dizendo que não havia clínico só para não trabalharem”, reclamou.

Resposta
A Secretaria de Saúde informou que “na segunda-feira, 4, o PA Paraventi estava com um clínico geral para atendimento das urgências e emergências até às 9h30. Após este horário o serviço passou a contar com dois clínicos e iniciou o atendimento para demanda espontânea até às 12h, quando o atendimento foi novamente restrito, retornando a porta aberta às 14h. Neste dia, das 7h à 0h foram atendidos 343 pacientes. Salientamos ainda que a Prefeitura de Guarulhos, em mais um esforço para melhorar o atendimento aos usuários da Rede Municipal de Saúde, abriu novo processo seletivo para a contratação emergencial de 29 médicos (socorrista clínico geral) para preenchimento das vagas em aberto em PAs, UPAs e no SAMU da cidade.”