Passageiros presos levavam cocaína no estômago, no sutiã e no fundo falso de malas

A PF prendeu, no Aeroporto Internacional de São Paulo em Guarulhos, em ações
entre sexta-feira e domingo, 8 passageiros tentando embarcar com drogas em voos internacionais

A Polícia Federal prendeu uma mulher brasileira de 25 anos de idade, que tinha como destino final Lisboa/Portugal, que, ao ser abordada, confessou ter engolido cápsulas
com substância entorpecente. A mulher foi encaminhada para o hospital e após a extração
foi feito o teste na substância que resultou positivo para cocaína.

No sábado (22) um homem italiano de 83 anos de idade, tentando embarcar para Lisboa/Portugal, com aproximadamente três quilos de cocaína em fundo falso da mala. No mesmo dia outra equipe de policiais, que fiscalizava as bagagens despachadas, prendeu uma mulher brasileira de 54 anos de idade que tinha como destino final Paris/França. Após o aparelho de raio-x detectar que a mala da conduzida continha substâncias com aparência de droga, foi realizado o narcoteste, por perito criminal federal, resultando positivo para cocaína, com aproximadamente dois quilos que estavam em três volumes dentro de um embrulho de papel presente.

Na véspera, 21, foram presos uma mulher brasileira de 25 anos de idade e um homem brasileiro de 23 anos que estavam tentando embarcar para Frankfurt/Alemanha, transportando aproximadamente vinte quilos de cocaína em fundo falso da mala.

No domingo (23), policiais federais prenderam uma mulher brasileira de 26 anos
de idade, que tinha como destino final Hong Kong, após ser detectado que havia um
volume excessivo no sutiã da passageira, que posteriormente confessou estar
transportando droga. No plantão policial, após a revista pessoal, foi constatado que nas
duas partes do sutiã havia um forro e substância líquida acondicionada em preservativos. Após a pericia, constatou-se que se tratava de cocaína líquida.

No mesmo dia a PF prendeu na fila de check-in um casal de brasileiros que aparentava certo nervosismo. O homem de 21 anos de idade e a mulher de 22 anos de
idade tinham como destino Lisboa/Portugal. Após submeter as malas no aparelho de raio-
x, foi identificada a existência de matéria orgânica na bagagem. Em sede policial as duas
malas foram abertas e localizado no interior das duas um total de seis invólucros. Feito o teste na substância encontrada, foi constatado que se tratava de cocaína, um
volume de aproximadamente cinco quilos.

Os presos serão encaminhados ao presídio estadual, onde ficarão à disposição da Justiça.