Pf apreende mais de 30 kg de cocaína e prende três

A PF prendeu em ações distintas, realizadas em conjunto com a Receita Federal entre os dias 23 e manhã de hoje (25/fev), três passageiras de voos internacionais com drogas nas bagagens.

Policiais federais, acionados pelos servidores da Receita Federal que atuam no porão de bagagens despachadas, localizaram, na tarde de sábado (23), a proprietária de uma bagagem que apresentava conteúdo suspeito e a conduziram à delegacia para acompanhar a realização de perícia em seus pertences. Dentro das malas da passageira, uma brasileira de 32 anos de idade, havia 32 caixas de som onde os peritos federais encontraram mais de seis quilos de cocaína. A passageira pretendia levar a droga para Conacry, cidade da Guiné.

No domingo (24), policiais federais, com o auxílio do aparelho de raio-x no porão de bagagens, identificaram um grande bloco de substância orgânica dentro da mala despachada por uma passageira, que embarcaria em voo para Istambul, na Turquia. A mulher, uma brasileira de 42 anos de idade, foi localizada e, na delegacia, os peritos federais identificaram a substância suspeita, que estava na mala, como cocaína. A droga estava distribuída em 10 tabletes, cujo volume somou dez quilos. A presa informou aos policiais que foi contratada para fazer o transporte da droga por meio de um anúncio de emprego publicado em site de vendas. Após a realização desta prisão, outra mala com as mesmas características foi encontrada no mesmo voo e nela havia mais onze quilos de cocaína. O suspeito já foi identificado e deverá ser preso pelo crime de tráfico internacional de drogas, assim que for localizado.

Na manhã de hoje (25), uma passageira, nacional da Venezuela e de 41 anos de idade, tentou embarcar para a África com quatro quilos de cocaína distribuídos em 4 tabletes. Ela foi detida pelos policiais federais, na sala de embarque, após funcionários que operam o aparelho de raio-x identificarem o material suspeito no interior da mala que ela havia despachado.