PF prende homem levando cocaína de cor negra

A PF prendeu entre a tarde de ontem e madrugada de hoje (16/8), no Aeroporto Internacional de Guarulhos, um boliviano, e um nigeriano reincidente por tráfico, tentando embarcar com droga dissimulada dentro de suas malas de viagem.

Policiais federais, em fiscalização de rotina junto aos balcões de check-in de voos internacionais, abordaram um passageiro, nacional da Bolívia, para entrevista. O homem, de 27 anos de idade, disse aos policiais que veio ao Brasil por via terrestre e pretendia embarcar para Moscou, na Rússia, para participar de estudos científicos sobre energia nuclear. O passageiro não possuía qualquer documentação que corroborasse suas afirmativas, motivo pelo qual foi conduzido a uma sala reservada para passar por busca pessoal e revista das bagagens. Nas laterais de uma de suas malas, os policiais encontraram uma substância compacta de cor negra. A substância foi submetida aos exames periciais sendo identificada como cocaína, cerca de três quilos, aparentemente dissimulada com uma espécie de graxa negra. O homem foi preso em flagrante.

Já na madrugada desta quinta-feira (16/8), um nigeriano, de 35 anos de idade, que já havia sido condenado por tráfico de drogas e uso de documentos falsos, há cerca de 6 anos, foi flagrado por policiais federais na posse de seis cases para notebook recheados com cocaína. O estrangeiro pretendia levar a droga para Addis Ababa, na Etiópia.