Plataforma de ensino à distância do Ministério do Trabalho oferece 24 cursos

As vantagens da educação a distância

A Escola do Trabalhador ampliou o número de cursos oferecidos pela plataforma virtual de ensino à distância do Ministério do Trabalho: são agora 24 opções, pois também está com inscrições abertas para o curso de Português para Hispanofalantes, cuja implementação se deu a partir de demanda do Subcomitê Federal para Interiorização dos Imigrantes.

O curso tem como finalidade a inserção de hispanofalantes no contexto do cotidiano brasileiro, abordando temas como cultura, gramática, vocabulário e comunicação. O ensino parte de uma proposta inovadora, aplicando conteúdos contextualizados, metodologias interativas e gamificação, que consiste na utilização de recursos de jogos em outros contextos, como na educação.

A inscrição é gratuita e não há pré-requisitos para matrícula. Também não é exigida escolaridade mínima. Basta fazer um pré-cadastro e iniciar a qualificação.

Cursos disponíveis:

Agenciamento de viagens

Criando um negócio de sucesso

Higiene na indústria de alimentos

Introdução ao Excel

Português Básico para o mundo do trabalho

Demonstrações contábeis e sua análise

Conhecendo o perfil do Agente Comunitário de Saúde e seu processo de trabalho

Fundamentos e processos de gestão de Recursos Humano

Segurança da Informação

Edição e tratamento de imagens

Inglês aplicado ao mundo do trabalho

Cuidando de pessoas idosas

Comunicação Escrita para o Trabalho

Elaboração de folha de pagamento de empresas

Análise de investimentos

Espanhol Aplicado ao Mundo do Trabalho

Análise de Risco na Construção Civil

Empreendedorismo na pesca

Planejamento de negócios na pesca

Gestão da qualidade

Processos industriais

Excel Intermediário

Identidade Visual e Gestão de Clientes

Português para Hispanofalantes

Saiba o que é a Escola do Trabalhador, como funciona e como acessar: http://trabalho.gov.br/noticias/6302-escola-do-trabalhador

Para ter acesso aos cursos, basta entrar na página da Escola do Trabalhador na internet pelo endereço http://escolatrabalho.gov.br/. Cada curso dura aproximadamente 40 horas, tempo estimado como necessário para o trabalhador cumprir todas as tarefas. Ainda assim, o conteúdo fica disponível por tempo indeterminado para que a pessoa inscrita consiga concluir as tarefas conforme a sua disponibilidade.

Ao final de cada curso, os trabalhadores precisam passar por uma avaliação para receber o certificado de conclusão. O documento é emitido pela Universidade de Brasília (UnB), que a foi a instituição responsável pela elaboração dos cursos.