A Polícia Federal no Aeroporto Internacional de Guarulhos, entre os dias 9 e 12 de julho, prendeu seis passageiros tentando embarcar para o exterior com cocaína em suas bagagens.
Policiais federais prenderam no sábado, 9, três brasileiros. Eles eram passageiros de voo com destino a Paris/França e levavam cocaína escondida sob as vestes.

O primeiro passageiro foi preso no momento em que fazia o check-in. O homem foi entrevistado e levantou suspeitas sendo submetido a busca pessoal e revista das bagagens. Sob as vestes ele usava uma espécie de sunga contendo quase 2 kg de cocaína, envolta em cinco cuecas.

Outros dois passageiros que o acompanhavam, um homem e uma mulher, foram localizados no interior da aeronave e com eles, também na forma de peças íntimas, foram encontrados mais de 4 kg de cocaína.

Já no domingo, os cães farejadores deram a indicação de algo suspeito com um homem malasiano de 28 anos de idade que embarcaria em voo com destino a Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Com ele, em uma valise vazia, foram localizados nas suas estruturas quase 3 kg de cocaína.

Outras duas prisões foram feitas na segunda-feira, 11, uma angolana de 33 anos de idade tentou embarcar para seu país de origem com mais de 3 Kg de cocaína em volumes atados ao corpo e um brasileiro que seguiria para Zurich na Suiça, escondeu em fundos falsos de sua bagagem mais de 2 Kg da mesma droga, o homem de 22 anos de idade foi preso no setor de imigração após a cocaína ser localizada com o auxílio do raio-x.

Os presos foram conduzidos aos presídios estaduais onde ficarão à disposição da Justiça respondendo pelo crime de tráfico internacional de drogas.