População paulista receberá alerta de riscos por SMS

Qualquer cidadão residente no Estado de São Paulo poderá se cadastrar para receber alertas de risco de desastres naturais direto no celular, gratuitamente, por mensagens de texto. A iniciativa do Governo do Estado começou a partir desta quinta-feira, 16.

A prática de emitir alertas diretos à população já é corriqueira em países como Estados Unidos e Japão, onde são comuns furacões e terremotos. Em São Paulo, pode ajudar a salvar vidas em casos de chuvas fortes, enchentes, deslizamentos, incidência de raios e outros fenômenos causados por eventos meteorológicos.

O sistema foi desenvolvido pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil e está sendo implantado em São Paulo pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (CEDEC/SP). Ele já funciona desde junho no Paraná e em Santa Catarina, onde foi implantado como projeto piloto. No território paulista, terá capacidade para alcançar os 42 milhões de celulares ativos.

“Ter essa comunicação direta com a população sempre foi um anseio nosso. Mas, para o sistema ter sucesso, é preciso a adesão das pessoas”, diz a coronel Helena dos Santos Reis, secretária-chefe da Casa Militar e coordenadora estadual de Defesa Civil. “Ninguém precisa se preocupar com spam. Os alertas são regionalizados e enviados realmente quando há necessidade”, completou.

A partir do dia 16, todos os usuários de celular do Estado de São Paulo receberão uma mensagem SMS informando sobre a ativação do sistema. Para se cadastrar, a pessoa só precisa responder essa mensagem com o número do CEP de interesse.  Com isso, o cidadão passa a receber alertas sempre que a Defesa Civil identificar uma situação de risco na área que abrange o CEP indicado.

O cadastramento poderá ser feito a qualquer tempo, mesmo que a pessoa não receba a mensagem inicial. Basta enviar um SMS para o número 40199, escrevendo o CEP de interesse. Para cadastrar mais de um CEP, é necessário enviar uma mensagem por vez. Não há limite para a quantidade de CEPs que podem ser cadastrados.

Os alertas são curtos, com até 160 caracteres, e visam apenas informar sobre um possível risco. A qualquer momento, a população pode buscar informações detalhadas no site da Defesa Civil estadual (www.defesacivil.sp.gov.br), incluindo orientações sobre o que fazer em cada situação.

A vantagem do sistema SMS é que ele é acessível nos celulares mais simples, sem necessidade de smartphones ou pacote de dados. Por isso, seu alcance é potencialmente maior.

Atualmente, os alertas de texto são enviados apenas a um grupo com cerca de duas mil pessoas, entre gestores municipais e integrantes da rede estadual de proteção defesa civil. Cabe a eles tomar as providências para avisar o restante da população. Com a adoção do novo sistema, a comunicação das situações de risco será mais rápida e direta, podendo evitar que eventos meteorológicos se transformem em acidentes com pessoas.

Legislação

A Lei 12.340/14, que trata da prevenção ao risco de desastres, tornou obrigatório que as empresas de telefonia móvel transmitam, gratuitamente, informações de alerta à população sobre risco de desastre. A partir da Lei, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) trabalhou na regulamentação do serviço junto com a Secretaria Nacional e os demais órgãos de Defesa Civil, que elaboraram o sistema de alerta.

O serviço, sem custo para a população, é feito em parceria com o Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (CENAD), Anatel e operadoras de telefonia móvel.

COMO UTILIZAR

Mensagem inicial

No dia 16/11, todos os celulares ativos no Estado de São Paulo, de qualquer operadora, vão receber a seguinte mensagem, que será enviada apenas uma vez:

Defesa Civil Informa: Novo serviço de envio de SMS gratuito de alertas de riscos de desastres. Para se cadastrar responda para 40199 com o CEP de interesse.

É possível se cadastrar mesmo sem receber a mensagem?

Sim, a partir do dia 16. Basta enviar um SMS para o número 40199, colocando no texto o número do CEP de interesse.

Dá pra cadastrar mais de um CEP?

Sim. É só repetir o procedimento acima com um CEP por mensagem. Não há limite máximo de CEPs cadastrados.

Como parar de receber os alertas?

É só mandar um SMS para o mesmo número (40199), com o texto SAIR + número do CEP. Também é necessário mandar uma mensagem para cada CEP a ser tirado do cadastro.