Prefeitura descobre venda irregular de leite de programa municipal

Num outro caso, em janeiro deste ano, uma pessoa estava com dez pacotes de leite encomendados pela internet - Foto: Divulgação GCM

Equipes da Prefeitura e da Controladoria Geral do Município estão monitorando denúncias sobre o comércio ilegal do leite distribuído aos alunos da rede pública, por meio do Programa Leite em Casa. Após denúncia anônima, registrada pela Controladoria Geral do Município, a equipe do Departamento de Transparência e Promoção da Integridade da Guarda Civil Municipal chegou a um casal, morador da região do Vila Alzira, no Pimentas, que anunciava a venda do produto em um grupo do Facebook, com mais de 117 mil pessoas. Os filhos do casal, que recebiam o benefício, foram cortados do programa.

De acordo com os agentes da CGM, o casal negociava o leite recebido todos os meses, mas tiravam a publicação da página rapidamente.

Click Guarulhos já havia denunciado outros casos em junho de 2018.

Caso semelhante de comércio irregular de leite escolar aconteceu em janeiro deste ano.

Programa

O Programa Leite em Casa busca garantir uma dose diária de leite para complementar a alimentação servida para os alunos nas escolas. O leite oferecido tem todos os nutrientes necessários para ajudar no desenvolvimento das crianças. Segundo a Prefeitura o produto tem aprovação do Instituto Adolf Luther de São Paulo, que atestou a qualidade do mesmo.

Infração

O comércio do leite oriundo do Programa Leite em Casa é irregular e, além de infração, esse tipo de ação retira o caráter principal que é a política de segurança alimentar para os mais necessitados.

Para denunciar ligue na Ouvidoria do município em 0800551715 ou utilize o e-mail ouvidoria@guarulhos.sp.gov.br