Prefeitura inicia nova temporada do Programa Ilhas Verdes nas Escolas  

A Escola Professor Wilson Pereira da Silva, no Jardim Presidente Dutra, recebe nesta sexta-feira (3) a primeira edição do ano do Programa Ilhas Verde nas Escolas (PIV).Resultado da parceria entre as secretarias de Meio Ambiente (Sema) e a de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secel), a iniciativa tem por objetivo realizar plantio nas áreas das escolas municipais para a diminuição das Ilhas de Calor na cidade.

 Neste ano, o programa será implantado em mais nove escolas municipais, que vão receber cerca de 300 mudas de árvores. Em 2017, o PIV realizou o plantio de 400 mudas em 26 escolas municipais, todas localizadas em Ilhas de Calor. Esses locais receberam mudas de árvores nativas da Mata Atlântica, tais como: Cabeludinha, Ingá, Cambuci, Gabiroba, Grumixama, Uvaia e Juçara entre outras.

 Uma parceria com a Universidade de Guarulhos (UnG) tornou possível a identificação, por meio de satélite termal, das áreas da cidade que apresentaram  aumento da temperatura ambiente nos últimos anos. Essas áreas são conhecidas como Ilhas de Calor e são causadas pela baixa quantidade de arborização urbana. Em Guarulhos, a maioria desses locais se concentra entre os bairros de Cumbica/Bonsucesso/Pimentas.

 Programa

 O Programa consiste em uma palestra para os alunos sobre a importância da arborização urbana, realizada por orientadores pedagógicos da Secretaria Municipal de Educação, posteriormente, os alunos realizam plantio de mudas nas áreas da escola, ação essa orientada por técnico da Sema.

 A arborização urbana traz diversos benefícios à melhoria da qualidade de vida de todos como, por exemplo: redução da temperatura ambiente e da poluição sonora, absorção de gás carbônico e de água das chuvas. As árvores também são fundamentais para a preservação da biodiversidade, servindo de abrigo para a fauna local, além de tornar a cidade mais bonita.