Problemas na coluna

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a Pesquisa Nacional de Saúde 2013 (PNS), na qual um dos principais temas abordados foi a dor na coluna, constatando assim que cerca de 18,5% da população brasileira sofre de problemas crônicos na região, o que resulta em 27 milhões de pessoas sendo que a maioria são mulheres, chegando a 21,1% em relação aos homens, que atingem a marca de 15,5%. A pesquisa ainda dividiu o problema por faixa etária: 8,7% são pessoas de 18 a 29 anos, 19,9% de 30 a 59 anos, 26,6% pessoas de 60 a 64 anos e 28,5% são pessoas com 75 anos ou mais. Segundo o médico ortopedista e especialista em coluna pelo Hospital das Clínicas, Rogério Vidal de Lima, mudar alguns hábitos simples pode ser a solução para resolver esses problemas. “A primeira medida para evitar um problema de coluna é corrigir a postura diante de atividades básicas diárias. É necessário também que a pessoa pratique exercícios regularmente e se mantenha no peso ideal. O alongamento precisa fazer parte do dia a dia da pessoa. É uma tarefa essencial para quem quer prevenir as dores. São medidas simples como movimentar o pescoço da esquerda para direita, fechar e abrir a mão, entre outros. Se a pessoa se conscientizar dessa necessidade, não há dúvida de que muitos problemas serão evitados”, explica o médico.