Projeto que visa celebrar o feminino com dança do ventre vem a Guarulhos

O ano de 2019 começou com trágicas notícias de violência doméstica e feminicídio. Só nos primeiros meses do ano, cerca de 200 mulheres perderam suas vidas pelo simples fato de serem mulheres, segundo levantamento de pesquisador da USP. Compreendendo que o combate a esse perfil de violência está atrelado não somente às políticas de segurança pública, mas também às ações de valorização e empoderamento do feminino, a bailarina oriental Jannah Dantas criou o projeto “ELAS – Empatia, Luta Arte e Sororidade”, cuja proposta é a realização de eventos simultâneos em diferentes estados brasileiros, em prol da mulher. No estado de SP, o evento será realizado em Guarulhos, no estúdio de dança Jannah Dantas, no Bom Clima, no dia 18 de maio.

“Mais do que lamentar os números, queremos mover uma energia de amor e de conscientização entre as mulheres”, comenta Jannah. Ela acredita na forte contribuição de iniciativas com esse viés, no sentido de que, ao menor sinal de risco, rompam-se os ciclos que possam representar uma ameaça ao feminino. “Como mulher e professora de dança do ventre, minha missão é empoderar, reconectar o feminino e ajudar no resgate à autoestima, para que as mulheres se sintam livres e felizes na sua individualidade”, destaca a bellydancer, que abriu o projeto para a adesão de bailarinas de todo o Brasil.

Jannah Dantas – Maquiagem e produção: Renato Macchia; Figurino: Fama Ateliê – Foto: NO

O ELAS, que conta com a parceria do site Diário de Uma BellyDancer nas divulgações e coberturas, já conta com a adesão de bellydancers de seis Estados: Minas Gerais; Brasília; Mato Grosso; Maranhão; Espírito Santo e Rio de Janeiro, com organização das bailarinas Rafaela Alves; Aisha Dincer; Nathasha; Vanessa; Jaqueline Hana e Ju Nahid, respectivamente.

“Haverá espaço para palestra e atividades e, para fechar a noite, um show de dança do ventre”, conta a bailarina. Nos demais Estados, a programação deve variar de acordo com a agenda de cada localidade, sendo que os shows acontecerão no mesmo horário em todas as regiões.

“Por meio da nossa arte, vamos exercer empatia à luta de todas as mulheres que sofrem abusos e violências, pois essa batalha é de todas nós”, enfatiza Jannah.

As bailarinas interessadas em participar podem procurar as organizadoras do evento nos Estados já participantes. As que estão em regiões que ainda não possuem uma representante do ELAS, devem fazer contato com Jannah Dantas.

Serviço:

Local: Estúdio de dança Jannah Dantas
Endereço: Av. João Bernardo Medeiros, 132 – Jardim Bom Clima, Guarulhos – SP
Telefone: (11) 4574-7401
Parceria: Diário de Uma Bellydancer

*Com informações do Diário de Uma Bellydancer, por Deisy de Assis