Quatro tratamentos estéticos para fazer durante o Inverno

Por Tamiris Monteiro 

Não falta muito para o Inverno chegar. E para quem gosta de fazer tratamentos estéticos no rosto, devido à menor incidência dos raios solares, a temporada fria torna-se um ótimo período para a realização de alguns procedimentos. Com o clima mais frio, as pessoas ficam menos expostas ao Sol, permitindo melhores resultados para os tratamentos e reduzindo os riscos de manchas ou outros efeitos indesejados.

De acordo com a médica Renata Cini Gerios (CRM 146093), a ação do sol na pele é capaz de desencadear diversas reações. Uma delas é o estímulo à produção de melanina, substância que dá pigmento à pele e que, por vezes, pode manchá-la se não houver uma proteção adequada, sobretudo durante alguns procedimentos que deixam a pele mais sensível.

Os tratamentos com laser aparecem entre os principais procedimentos feitos durante o Inverno, contudo, outros cuidados, como microagulhamento e carboxiterapia podem entrar para a lista. A seguir, você confere a indicação de quatro técnicas recomendadas pela médica Renata.

Peeling químico superficial

Nesse procedimento são aplicadas substâncias como ácidos leves na pele (em forma de creme ou líquido) que podem ajudar no estímulo de colágeno, tratamento de manchas superficiais, estrias ou de acne. O procedimento é relativamente simples, indolor e rápido. Pode haver leve descamação alguns dias após realizá-lo.

Microagulhamento

Após anestesia tópica (em pomada), realiza-se microfuros na pele com um aparelho específico, estéril e descartável chamado dermaroller. O procedimento pode estimular colágeno, tratando linhas finas e deixando a pele mais firme. Também pode tratar alguns tipos de manchas.

Laser depilatório

O aparelho emite uma luz que atinge um alvo específico, no caso, o folículo piloso que produz os pelos. São necessárias geralmente, em média, cinco sessões, dependendo do aparelho usado, tipo de pelo e pele do paciente.

Luz intensa pulsada

Trata-se de um aparelho que emite luz policromática não coerente. Sua luz pode ser absorvida por várias estruturas da pele, podendo ser usada para diversos fins, como estímulo de colágeno (tratamento antienvelhecimento), alguns tipos de manchas, vasinhos superficiais, algumas cicatrizes e estrias vermelhas.

Atenção!

Durante o frio a pele tende a um maior ressecamento e, com a associação dos tratamentos, é fundamental uma hidratação adequada. Para que haja uma melhor reocupação e regeneração após um procedimento, é preciso caprichar na ingestão de líquidos e no uso de hidratantes específicos para cada tipo de pele. E jamais deixar de usar filtro solar, mesmo em dia em que o sol não apareça com tanta intensidade.

Entregue a sua pele nas mãos de um profissional qualificado

É importante lembrar que todos esses procedimentos devem ser realizados apenas após análise da pele do paciente por um médico. O preparo prévio da pele e cuidados após o procedimento com produtos específicos também é fundamental para o sucesso dos tratamentos.