Um estudo publicado na revista científica “Lancet” mostra que um quinto da população brasileira adulta, quase 30 milhões de pessoas, é obesa. Embora o problema apresente muitas vertentes, o mau hábito alimentar é um dos principais fatores para que a pessoa tenha o peso aumentado. E ainda que muitas pessoas acreditem que para perder peso basta fazer uma dieta, a verdade é que um processo de emagrecimento ou a mudança dos hábitos alimentares não acontece de maneira tão simples. Às vezes, a má relação com a comida precisa ser resolvida com um trabalho psicológico, além do alimentar.

Pensando justamente nisso, a nutricionista comportamental Mirian Costa faz um trabalho voltado para pessoas com excesso de peso que já utilizaram todos os tipos de dietas e não conseguiram emagrecer ou até conseguiram, mas depois do término da dieta voltaram a ter sobrepeso. “A mudança de comportamento é tudo em uma reeducação alimentar. Se você não mudar a mentalidade, sempre vai estar em constante briga com a comida. Ajudo pessoas a conquistarem saúde e qualidade de vida, por meio de equilíbrio alimentar, emocional e vida social”, explica.

Além de trabalhar a parte nutricional, a profissional usa técnicas que possibilitam que os pacientes sigam uma alimentação saudável durante toda a vida. “Minha missão como nutricionista é quebrar todas as barreiras que envolvem esse terrorismo nutricional com tantos mitos e loucuras. Utilizo como metodologia nos meus tratamentos a nutrição comportamental, uma abordagem científica inovadora que inclui os aspectos fisiológicos, sociais e emocionais da alimentação, capaz de promover mudanças no relacionamento do paciente com a maneira de se alimentar”, ressalta.

Para Mirian, as dietas da moda, na maioria das vezes, não são eficazes. E outro ponto preocupante é a generalização. Quando se pensa em reeducação alimentar, os alimentos e as quantidades precisam ser pensados de acordo com a necessidade de cada um. “Acredito verdadeiramente em uma nutrição que se conquista com comida de verdade, para ter equilíbrio e liberdade em escolher alimentos que farão bem para corpo, mente e estômago”, pontua.

Importante lembrar que passar com um nutricionista não é exclusividade para quem busca eliminar peso. Na verdade, a preocupação com os alimentos deve ser permanente. Manter uma nutrição adequada vai muito além dos resultados na aparência física, pois também garante a prevenção de doenças. Com a evolução dos estudos médicos na área da nutrição, alimentar-se de forma saudável é uma poderosa ferramenta para melhorar a qualidade de vida.

De acordo com Mirian Costa, todo paciente que procura um profissional da área de nutrição precisa manter um acompanhamento, para que seja possível observar a evolução conforme as necessidades particulares e objetivo que pretende alcançar. Por isso, a profissional trabalha com sistema de pacotes de consultas.
O consultório de Mirian é no Jardim Maia e o atendimento é das 9h às 18h30.

Mirian Costa – nutricionista comportamental
Rua Josephina Mandotti, 340,
conjunto 54, Jardim Maia
97357-6634