Saudades da oposição

Quem conhece bem o vice-prefeito Carlos Derman, o Carlão, fica imaginando como ele se sentiu ao receber, ao lado do prefeito Sebastião Almeida, os manifestantes da Igreja Católica, no início da noite de quinta-feira, ainda mais que ele acumula o cargo de secretário municipal da Saúde.

Antes e durante a época em que foi vereador, seria mais o estilo de Carlão Derman estar entre os manifestantes e não do lado de quem tem de receber críticas e reivindicações.

O lado da pedra e do estilingue é bem mais confortável do que o da vidraça.