Se dependesse de Guarulhos, não haveria segundo turno para a Presidência

Com mais de 98% dos votos de Guarulhos apurados, o deputado Jair Bolsonaro (PSL) teve na cidade 298 mil votos (51,22%), enquanto o petista Fernando Haddad teve 105 mil votos ou 18,03%.

Ou seja, se dependesse dos guarulhenses, não haveria segundo turno na disputa pela Presidência da República.