A Secretaria de Habitação (SH) de Guarulhos iniciou uma força tarefa para o cadastramento e congelamento de uma área de risco no Recreio São Jorge, com aproximadamente mil famílias. A iniciativa visa atender uma ação civil pública promovida pelo Ministério Público.

O cadastro da área consiste em um levantamento de dados das edificações e o cadastro socioeconômico de vulnerabilidade avalizados por assistentes sociais, o que gera o congelamento da área e determina as ações futuras da Prefeitura. Entre elas demolição, obras de infraestrutura e recuperação ambiental; remoção das famílias e, após avaliação técnica da área, indicação das famílias para unidades habitacionais e, em alguns casos, inclusão no programa locação social.