Oficina de Danças Circulares promove movimento e integração

Imagine-se numa roda, de mãos dadas com pessoas desconhecidas. Há quem sinta desconforto e há quem se abra para a experiência, integrando movimento e autoconhecimento. Quer quebrar este gelo e aprender sobre danças circulares tradicionais? A boa pedida é participar, então, da Oficina Aberta de Danças Circulares – Projeto Tear, no Espaço Cultural Gilmar Lopes, dentro do Bosque Maia, domingo, 26, das 10h ao meio-dia. De graça!

Para participar, basta chegar à Tenda Verde trajando roupa e sapato confortáveis. Se quiser, também pode dançar descalço. Aliás, nem precisa saber dançar para participar da atividade.

A Oficina de Danças Circulares acontece sempre no último domingo de cada mês.

Bora desabrochar-se!