Da Agência Brasil

A greve geral que paralisa a Argentina nesta terça-feira, 25, fez com que todos os voos do país vizinho fossem cancelados no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, São Paulo. De acordo com a concessionária GRU Airport, que administra o aeroporto, foram cancelados 38 voos, somados os que partiriam para a Argentina e chegariam vindos do país vizinho.

A Latam informou que toda a sua operação na Argentina está parada e todos os voos para e desde o país vizinho foram cancelados nesta terça. A companhia aérea informou que os passageiros com voos marcados para esta terça deverão reprogramar a viagem entrando em contato com a empresa pelos canais de atendimento ao cliente.

A Gol também cancelou todos os voos de e para a Argentina. “Os passageiros impactados por estes cancelamentos poderão remarcar suas viagens, sem a cobrança de taxas e de acordo com a disponibilidade. Ou, ainda, solicitar reembolso ou crédito integral de suas passagens pelos nossos canais de atendimento”, informou a companhia.

A Azul disse, por meio de nota, que toda a sua operação relacionada ao país vizinho foi afetada em função da greve geral. Os três voos da azul para a Argentina, o AD8762 (Belo Horizonte – Buenos Aires), o AD8763 (Buenos Aires – Belo Horizonte), o AD8754 (Porto Alegre – Rosário) e o AD8755 (Rosário – Porto Alegre), foram cancelados.

“A Azul está prestando toda a assistência necessária aos seus clientes conforme prevê a Resolução 400 da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). Os clientes afetados por essa greve podem reagendar seus bilhetes sem cobrança extra ou solicitar o reembolso da passagem”, informou a companhia.