Antônio de Ré tem cerca de dez alunos querendo ocupação

 

Uma assembleia está marcada entre professores e alunos na Escola Estadual Antônio de Ré, no Macedo. De acordo com funcionários, cerca de dez alunos – em grande maioria do terceiro ano – são a favor da ocupação.

Há indícios que movimento estudantil responsável pela ocupação do Alice e Conselheiro foram até a porta da unidade para “fazer campanha” em prol da ocupação, mas nem todos os alunos foram a favor. A escola foi ocupada mesmo assim.

Professores, funcionários e alunos que são contra a ocupação estão ‘ilhados’. “Trancaram os portões e não deixam ninguém sair, estamos nos sentindo em cárcere privado”, relata professora da escola Antônio de Ré.

Atualização – 15h50: Membros da CUT e Apeoesp estão chegando na escola Antônio de Ré. Para professores, a escola foi tomada de forma irregular.