Cansados de viver assustados com o crescente índice de violência na região, moradores do Residencial Parque Cumbica – Inocoop, na região de Bonsucesso, criaram a Associação dos Moradores do Inocoop (AMI), tendo entre outros objetivos encaminhar reivindicações da população local para as autoridades, acompanhando cada caso até a efetiva solução.

Em visita à Redação do Click Guarulhos, o presidente da AMI, Wellington Pinheiro, e o diretor Ismael Garcia relataram que, mesmo durante o dia, moradores e comerciantes do bairro têm sido vítimas de assaltos a mão armada, roubos, furtos de veículos e de pertences de pedestres, principalmente pela manhã nos pontos de parada de ônibus.
Os moradores estão apreensivos porque, com a remodelação do trevo de Bonsucesso, a avenida Papa João Paulo I será ampliada e, em decorrência, a Cia. da Polícia Militar que ocupa parte do terreno do centro de distribuição do Ponto Frio terá de deixar o local.

“Se com a Cia. da PM ali já sofremos tanto com a falta de segurança, imagine se a perdermos”, raciocina Wellington. Ismael complementa informando que estiveram na Prefeitura tratando do assunto, tanto com o secretário de Segurança Pública, Gilvan Passos, quanto com o chefe de gabinete, Jurandir Pereira. A pedido da Associação, foi aberto o PA 36.544, no qual é solicitada cessão de área municipal para que o Estado construa uma nova Companhia da PM no bairro. Para tal, foram sugeridas três áreas, uma das quais ao lado do supermercado Extra.

Eles estão empenhados em obter uma reunião com o prefeito Guti, porque temem que, se houver demora no atendimento do pedido, a Cia. da PM possa ir para outro bairro, já que muitos outros locais são também carentes de segurança.

Questionada a respeito, a Assessoria de Imprensa informou que o chefe de gabinete da Secretaria de Segurança Pública irá ao local nesta sexta-feira, acompanhado do presidente da AMI, para conhecer as áreas sugeridas pela entidade.