Zeitune desocupa sala da praça Getúlio Vargas

 

Cineastas, artistas plásticos, músicos e integrantes do Movimento Áudiovisual de Guarulhos estiveram no fim da tarde de terça-feira no antigo prédio da Câmara Municipal, na praça Getúlio Vargas, para entregar ao vice-prefeito, Alexandre Zeitune, um manifesto pedindo que desocupasse o espaço no qual instalara seu gabinete improvisado, desde que foi exonerado da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer.

O pedido foi feito porque o local foi destinado para um projeto de cinema da cidade, para o qual, segundo o cineasta Tico Barreto, já há verba carimbada do governo federal. No entendimento dos artistas, a permanência de Zeitune ali poderia obstaculizar a concretização do projeto.

Na manhã desta quarta-feira, Barreto informou que o vice-prefeito os atendeu prontamente e hoje cedo esteve no local e retirou de lá o mobiliário que utilizava até então.

Segundo o cineasta, o Procon também deve se mudar em breve e os artistas buscarão diálogo com o Fundo Social de Solidariedade, que também ocupa salas ali, para que as esvazie, porque são necessárias no mínimo duas semanas para viabilizar laudo do Corpo de Bombeiros e outros procedimentos necessários à implantação do projeto de cinema.

O Click Guarulhos tentou contato com Zeitune, para saber qual seu novo local de atendimento, mas não obteve retorno por enquanto.