Campeã mundial de basquete fala da importância do esporte a jovens guarulhenses

Foto: Divulgação
 

Campeã mundial de basquetebol em 1994, na Austrália, prata nos Jogos Olímpicos de Atlanta (EUA), em 1996, e bronze na Olimpíada de Sydney (AUS), em 2000, a ex-atleta Alessandra Santos de Oliveira esteve em Guarulhos no sábado, 29, para participar da cerimônia de encerramento dos Jogos Internos do Colégio da Polícia Militar.

De acordo com o professor de Educação Física Rodrigo Moratti, a ideia de trazer uma importante jogadora surgiu da necessidade de mostrar aos alunos que a função do esporte é, também, formar um cidadão. “Ela honrou a camisa do Brasil, fez e continua fazendo diferença na sociedade”, explicou.

Os jogos foram disputados de 25 a 29 de junho, na Unidade Guarulhos do colégio, com mais de 100 alunos inscritos. O campeonato envolveu Ensino Fundamental II e Médio, com modalidades de futsal (masculino e feminino), basquete masculino, handebol e vôlei feminino e vôlei misto. “Foram jogos muito disputados. Sempre com muito respeito”, falou Moratti. A organização do evento foi realizada por ele e pelas professoras Fernanda Tolentino (Infantil e Fundamental II) e Lidiane Rocha (Fundamental I), além da diretora Adriana Monteiro.

Além de verem Alessandra de perto, os alunos ainda contaram com apresentações da Fanfarra e da turma de ginástica do colégio.

Uma pivô gigantesca
Com 1,97 metro de altura, Alessandra era pivô e uma das jogadoras mais altas do basquete mundial em sua época. Se destacava no garrafão. No exterior, Alessandra, que atualmente tem 45 anos de idade, atuou por clubes de oito países: Coreia do Sul, Eslováquia, Espanha, Estados Unidos, França, Hungria, Itália e Romênia. Aposentou-se em 2013, mas seguiu envolvida com a modalidade, proferindo palestras e incentivando a prática esportiva em todo o Brasil.