Com 5 casos confirmados e 400 suspeitos, Guarulhos monta centro de triagem com “drive-thru” no Parque Cecap

 


O prefeito de Guarulhos, Guti, anunciou neste sábado (21) a construção do primeiro centro de triagem do Brasil para atendimento de pessoas com suspeita de ter contraído o coronavírus. O espaço, que faz parte do Comando de Defesa contra o Coronavírus, ocupará uma área de 5 mil metros quadrados ao lado do Clube do Cecap, onde está sendo levantado um complexo com 2 mil m2 de área construída, que inclui tendas, carretas, ônibus e espaço para estacionamento de ambulâncias, na altura do número 3.415 da avenida Monteiro Lobato.

O centro de triagem, chamado por Guti de “hospital de campanha”, receberá pedestres com suspeita de coronavírus 12 horas por dia, assim como o Drive Thru, espaço em que os atendimentos serão feitos por profissionais sem que as pessoas precisem sair do carro. Haverá ainda um apoio de urgência para pacientes em estado crítico, com leitos de emergência com suporte respiratório, tomógrafo e ultrassom que funcionarão 24 horas por dia. Toda a ação será realizada por uma equipe de médicos contratados emergencialmente apenas para essa finalidade.


O espaço, idealizado pelo secretário José Mário, pelo adjunto Luiz Fernando e pelo vereador Eduardo Carneiro, deve estar pronto para iniciar os atendimentos em uma semana e funcionará sete dias por semana das 7h às 19h. Guti ressalta que se trata de um ambiente exclusivo para atendimento de pacientes com suspeita de Covid-19, para evitar que essas pessoas se dirijam diretamente às unidades de saúde do município. “Desta forma, conseguiremos isolar nossas UBSs e UPAs, impedindo que pessoas contaminadas tenham contato com pacientes que buscam as unidades por outros motivos e acabam se expondo a riscos desnecessários”.

Os guarulhenses que tiverem diagnóstico de possível contaminação pelo coronavírus serão encaminhados diretamente do Centro de Triagem para unidades especializadas no tratamento, a fim de realizar os exames e tratamentos necessários e mais adequados. “Estamos buscando formas de evitar a proliferação do coronavírus em nosso município”, disse o prefeito.

Números atualizados

Segundo o médico José Mário Clemente, secretário da Saúde, Guarulhos totaliza 437 casos suspeitos, dos quais 5 confirmados e 32 negativos. São, portanto, 400 casos cujos exames estão dependendo dos resultados do Instituto Adolfo Lutz.