Autora de livro de 2014 atribui previsão de pandemia a “mediunidade artística”

 

O livro “A realidade de Madhu”, publicado em 2014, contém trecho no qual a autora, Melissa Tobias, prevê a ocorrência de uma pandemia catastrófica em 2020, que mataria 3 bilhões de seres humanos.


Como a informação viralizou nos últimos dias, Melissa gravou um vídeo (clique aqui se quiser ver), explicando de onde veio a inspiração para escrever isso.

Atribuiu a leituras antigas, a preceitos milenares que cultua e disse que se considera artista e que, como tal, acreditar ter alguma mediunidade. Afirma estar esperançosa de que a pandemia ensine algo à humanidade, que as pessoas se conectem mais consigo mesmas e com a natureza. E que torce muito para ter errado na quantidade de mortes que o livro menciona.

Página 183 do livro “A realidade de Madhu”, publicado em 2014

Qual a mensagem?

A consteladora sistêmica e facilitadora de Barras de Access Meiry Akemy entende que a verdadeira mensagem que a autora quis transmitir está nos parágrafos anteriores. “Leiam desde o início dessa página, quando ela se refere que estaria em 2035 e cita todas as transformações pelas quais o mundo teria passado”.

Ela convida a todos a elevar o olhar, mudar a maneira de ser, mudar o foco. “A pessoa é recompensada cada vez que pratica o bem ao próximo, diz o livro. Isso é o que está por trás e nós não estávamos percebendo. A verdadeira mensagem que Melissa Tobias e seus mentores têm para nós”, conclui.

Contatos com Meiry: linktr.ee/MeiryAkemy