Site fazia vendas falsas de álcool, usando nome de empresa idônea de Guarulhos

 

O CyberGaeco – órgão do Ministério Público – conseguiu, em menos de 24 horas, bloquear uma página virtual (www.alcool-santa-cruz.webnode.com) que se apresentava como se fosse da empresa Álcool Santa Cruz Ltda, empresa idônea de Cumbica, em Guarulhos.

O site aplicava golpes em consumidores por meio de anúncios para a venda de álcool 70%, máscaras sanitárias e luvas. Os criminosos simulavam a venda desses produtos utilizando o nome da Álcool Santa Cruz, mas recebiam o dinheiro e não entregavam o produto.

O braço do Ministério Público de São Paulo para crimes cibernéticos agiu após o recebimento de notícia criminal sobre o site. Após o bloqueio, os criminosos tentaram criar novo site (alcool-santa-criuz-ltda.webnode.com), porém o MPSP novamente obteve a derrubada da página, apesar de a mesma ter sido registrada na Suíça.

O MPSP, por meio do CyberGaeco, continua priorizando suas ações para potencializar as medidas técnicas da área de saúde contra a propagação do novo coronavírus.

Denúncias sobre venda extorsiva, golpes e crimes por meios cibernéticos envolvendo a pandemia podem ser encaminhados por e-mail para cybergaeco@mpsp.mp.br.