Prefeitura responde sobre queixas do Conjunto Residencial Guarulhos

 

O Click Guarulhos postou matéria a respeito de queixas de morador do Conjunto Residencial Guarulhos (rua Piratuba, prox. 400 – Jardim Sta. Cecília/Santa Clara). Segundo ele, a canalização não funciona. Questionamentos foram enviados à Assessoria de Imprensa da Prefeitura, com a observação de que seria necessária uma ação conjunta de várias secretarias, para orientar a população do conjunto a organizar-se em forma de condomínio, bem como promover atividades envolvendo crianças e jovens, com vistas à educação ambiental e conscientização de todos para melhor conservação do ambiente onde vivem. Ponto a ponto, seguem as respostas da Prefeitura

Morador relata problemas com escoamento de águas. Segundo ele, a canalização não funciona.

Resposta – Essa questão específica é com a Sabesp.

Obs.: questionamento será enviado pelo Click Guarulhos à Cia. estadual

Embora sob a tutela da Secretaria de Habitação, como ali não foi constituído um condomínio, ninguém o administra. Necessitaria uma ação conjunta de várias secretarias, incluindo a Assistência Social e a de Meio Ambiente, no sentido de conscientizar a população local a zelar melhor pelo ambiente onde vivem.

Resposta – A Secretaria de Habitação realizou vistoria no Conjunto Habitacional de Interesse Social Santa Cecília nesta quarta-feira (24) e constatou haver uma obstrução no local, a qual foi informada à Sabesp para verificar a possibilidade de desobstrução. Vale destacar também que a pasta está promovendo a regularização fundiária do conjunto habitacional.

Sugerimos há tempos ao então secretário Abdo Mazloum uma campanha de plantio e adoção de árvores, envolvendo crianças e adolescentes, como meio de melhorar o aspecto geral do conjunto e obter engajamento da população na conservação.

Resposta SEMA – A realização de plantio em sistema de mutirão com a população está adiada devido às limitações impostas pela pandemia.

Na região do Conjunto a Sema fez implantação e revitalização de mais de 5 mil metros quadrados de área verde, na rua Barbosa Ferraz, onde era ponto viciado de descarte irregular de entulho.

Em um pequeno trecho do Conjunto, uma senhora plantou e conserva um jardim, iniciativa que poderia ser incrementada com a ação do poder público.

Resposta – Quanto ao jardim que a moradora tem em um trecho do Conjunto, caso seja área interna a Sema não pode realizar ações por ser área privada

Quanto a conscientização da população

Resposta da Secretaria de Habitação:

A Secretaria de Habitação informa que, por meio do Departamento de Ação Comunitária, já realizou diversas atividades socioeducativas no Conjunto Habitacional de Interesse Social Santa Cecília III em conjunto com uma empresa contratada, como ações de conscientização quanto ao consumo de energia elétrica, limpeza das áreas externas e comum, abastecimento de água, constituição de condomínio, educação sanitária, ambiental e patrimonial, geração de renda entre outras. Em novembro de 2019, intermediamos junto à EDP para a realização de parcelamento de débitos e regularização de casos de ligações clandestinas, e foi constatado também muito lixo no empreendimento. Já em dezembro passado, foi realizada uma ação conjunta com algumas secretarias para limpeza do local.

Seguem fotos das ações realizadas pela Prefeitura no Conjunto: