Escola estadual recebe pintura temática durante a pandemia

 

A Escola Estadual Vereador Antonio de Ré, também conhecida como Macedão, situada no fim da avenida Mariana Ubaldina do Espírito Santo, passou por obras, aproveitando o período de suspensão das aulas, por causa da pandemia. Com verba do PDDE Educação Básica Paulista, foram feitos: revitalização da quadra e das paredes, corte de mato e instalação de infraestrutura para projetores. A pintura de toda a escola foi custeada por verba PDDE Educação Básica do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação).

Por iniciativa do diretor da unidade escolar, Isaac Oliveira Mourinho Júnior, foi formada uma comissão que contou com o próprio diretor, o vice-diretor, o coordenador, um pai de aluno e a professora Roseli Fernandes Euquério Lima, de Arte, para escolha de temas para a nova pintura.

Nesse grupo foi proposto que se fizesse uma pesquisa com a comunidade escolar para tomada de decisão.
A pesquisa foi feita utilizando a plataforma Google Forms, disponibilizada nas redes sociais para que os alunos votassem. Reproduzimos alguns itens da pesquisa, ilustrados com fotos da situação anterior da escola.

Escolha do artista

“Paralelamente à pesquisa, a comissão estava à procura de um artista para grafitar o muro da escola. O diretor sugeriu o nome de Helder Holiveira e a partir pesquisamos os seus trabalhos na internet”, relata Roseli. Entre trabalhos desenvolvidos em diversos lugares, o artista é autor de pintura na fachada do Shopping Bonsucesso. Chegou-se à conclusão de que o trabalho dele condizia perfeitamente com a temática definida pela pesquisa: diversidade e cultura, arte, esporte, ciência e tecnologia e meio ambiente.

Falando ao Click Guarulhos, Helder disse que retrata em suas pinturas questões relacionadas às temáticas cotidianas, como afeto, questões raciais e diversidade. “Essas questões fazem parte do projeto pedagógico da EE Antonio de Ré e isso foi fundamental para a realização do trabalho. Convidei outros dois artistas para contribuírem na obra: @gelson.salvador e @adriano_bizonho”, conta. O resultado reflete bem essas temáticas e sua consonância com o que a comunidade escolar escolheu.

O artista comenta que está muito feliz por partilhar suas cores e flores para a cidade de Guarulhos. “Tenho recebido muitas manifestações de carinho e até recebi um novo convite para realização de um novo trabalho em outra escola da cidade. Tive a oportunidade de realizar projetos em Nova York , Londres, Manchester, Buenos Aires, e em várias cidades brasileiras. Mas, pela forma carinhosa como a cidade tem acolhido meus trabalhos, confesso que Guarulhos já faz parte da minha história, que começou há trinta anos, logo após minha formação na Faculdade de Belas Artes”, comenta. Concluiu parabenizando toda a equipe da EE Vereador Antonio de Ré: “Eles realmente fazem a diferença na educação”.

Afeto na lata

Helder tem um trabalho derivado que é a transformação das latas vazias de tinta em obras de arte. Após pintá-las, ele as disponibiliza. “As pessoas perguntam quanto custa. Respondo perguntando quanto vale o afeto. Se o afeto não tem preço, quanto ele é transportado para a lata, também não”. Para conhecer essa faceta do artista, acesse este link



Reportagem sugerida por meio do canal Vc Repórter do Click Guarulhos: WhatsApp 98849-7425