CCR NovaDutra lança campanha “Eu vou com responsabilidade. Se beber, não dirija”

 

A CCR NovaDutra realiza a campanha de segurança ‘Eu vou com responsabilidade: Se beber, não dirija”. O objetivo da ação educativa é chamar a atenção para uma combinação perigosa, mas ainda comum: álcool e direção. Além de afetar os sistemas sensorial e motor, o álcool prejudica a capacidade de decisão do motorista. De acordo com estudos da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet), de 2010 a 2020, 1.506 acidentes no período de Carnaval tiveram como motivação o consumo de álcool, com 3.292 vítimas. No relatório, a associação alerta ainda para a importância da prevenção ao consumo de álcool no trânsito.

O Coordenador Médico da CCR NovaDutra, Gustavo Rachid, explica que o álcool provoca danos imediatos no organismo. “O corpo tem dificuldades para eliminar o álcool, podendo levar de 12h a 24h. Sob efeito de álcool o motorista tem a capacidade de percepção reduzida em vários sentidos. Causa uma diminuição da capacidade neurológica, e, consequentemente dos órgãos de sentido. Diminui a visão periférica, a percepção de movimentos laterais, a visão de obstáculos. O mais importante é se beber, não dirija”, afirma o Coordenador Médico.

Campanha

A CCR NovaDutra iniciou a campanha, nesta quarta-feira (10/02), sobre os riscos de dirigir após o consumo de bebida alcóolica. O tema da campanha deste ano é: “Eu vou com responsabilidade: Se beber, não dirija.”. Serão instaladas faixas na rodovia, além de mensagem nos PMVs, matéria na revista da concessionária e spots na CCRFM.

Penalidade

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), dirigir sob efeito do álcool é infração gravíssima e gera aplicação de multa de R$ 2.934,70, além da suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) por até doze meses ou até a perda. A penalidade pode ser ainda maior se o condutor recusar o teste do bafômetro ou em casos de reincidência.

Escolha alternativas inteligentes e curta o Carnaval com segurança!

  • Entregue o carro a uma pessoa habilitada que não tenha consumido bebida alcoólica;
  • Utilize transportes alternativo, divida uma carona e determine um motorista da vez;
  • Não aceite carona de pessoas que beberam e que se consideram aptas para dirigir.
  • Se você for ingerir bebidas alcóolicas, procure alternativas, como ônibus, táxis ou caronas;
  • Respeite os limites de velocidade;
  • Durante a viagem, mantenha sempre distância segura do veículo à frente.