“O Filho do Presidente”, primeiro espetáculo a estrear em live streaming volta às telas amanhã

 

Um homem pega o metrô errado, mata dois policiais e rouba um livro. Agora ele precisa fugir. Esse é o mote de “O Filho do Presidente”, espetáculo solo escrito e encenado por Ricardo Cabral, com direção de Natasha Corbelino, que reestreia nesta quinta-feira, dia 4 de março. Com transmissão gratuita via Zoom, a peça segue em cartaz até dia 16 de março, de quinta a terça-feira. Todas as sessões contam com tradução em libras.

A peça foi a primeira produção brasileira a estrear virtualmente durante a quarentena. Em março de 2020, quando o isolamento social interrompeu os ensaios, o ator e a diretora transformaram o processo de criação e o espetáculo estreou em formato de videoconferência. Com mais de 40 sessões e 2 mil espectadores acumulados no Brasil e no exterior, “O Filho do Presidente” está indicado ao Prêmio Arcanjo de Cultura na categoria Teatro, “pelo desbravar do digital em uma experiência intimista”.

Quase um ano depois, a montagem volta à cena no mesmo formato. “Não queríamos fazer teatro filmado. Nossa pesquisa era descobrir o que podem corpo e câmera juntos”, avalia Ricardo Cabral. “É teatro, cinema, performance e live, tudo ao mesmo tempo.”

Quatro das doze sessões serão seguidas de conversas com o público. Psicanalistas, professores, artistas e integrantes de movimentos sociais foram convidados para discutir os temas alavancados pela peça. Os debates acontecerão sempre às sextas e sábados, nos dias 5, 6, 12 e 13 de março, logo após o término da sessão.

“O Filho do Presidente” é o quarto espetáculo do Teatro Caminho, grupo carioca que pesquisa desde 2014 teatro em espaços não convencionais. Seu primeiro trabalho foi “Casa vazia”, espetáculo de 24 horas de duração que acontecia em casas da cidade. Em 2017, a companhia estreou “Eu vou aparecer bem no meio do seu sonho”, site-specific que levava o público pelas ruínas de uma biblioteca abandonada. Em 2018, realizaram pelo Centro do Rio a série de ações “aventuras estranhas”, da qual nasceu o espetáculo “Amazona”, que voltou às ruas da Cinelândia em fevereiro deste ano em curta temporada. “Há sete anos investigamos relações entre cena, espaço e itinerância. Mas como trabalhar nesse não-espaço virtual?”, se pergunta Cabral. “Sinto que ‘O Filho do Presidente’ veio para radicalizar ainda mais nossa pesquisa.”

Mais informações em teatrocaminho.com

Instagram: @teatrocaminho

FICHA TÉCNICA:

  • Texto e Performance | Ricardo Cabral
  • Direção | Natasha Corbelino
  • Figurino |Tiago Ribeiro
  • Direção de produção | Aline Mohamad
  • Realização | Teatro Caminho

SERVIÇO:

O Filho do Presidente

  • De 4 a 9 e de 11 a 16 de março (de quinta a terça-feira)
  • Horário: 20h
  • Transmissão ao vivo via Zoom (link disponibilizado no site teatrocaminho.com e no perfil @teatrocaminho no Instagram)
  • Acesso Gratuito
  • Duração: 60 minutos
  • Sessões seguidas de debate: 5, 6, 12 e 13 de março