quarta-feira, 22 setembro 2021
InícioCLIMATempestade Ida causa mortes e inundações em Nova York

Tempestade Ida causa mortes e inundações em Nova York

Ao menos nove pessoas morreram em Nova York e em Nova Jersey devido à tempestade tropical Ida, que já deixou outras seis mortes e causou um rastro de destruição no Sul do país e agora coloca os dois estados em emergência e sob alerta de tornados.

A polícia de Nova York confirmou sete mortes, incluindo uma criança de 2 anos, um homem de 50 anos e uma mulher de 48 anos que foram encontrados inconscientes dentro de uma casa na noite de quarta-feira (1º). Duas mortes foram relatadas em Nova Jersey.

Quatro pessoas morreram em presas em seus porões (três no Queens e uma no Brooklyn), segundo o jornal “New York Post”. A cidade de Nova York registrou mais chuva na quarta do que normalmente em um mês, de acordo com o Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos.

Em Nova Jersey, o corpo de um homem de 70 anos foi resgatado após o veículo em que estava ser arrastado pela água, segundo o prefeito de Passaic, Hector Lora. A segunda morte no estado foi noticiada pela rede de televisão NBC.

A tormenta já causou inundações e interrompeu o funcionamento de quase todas as linhas do metrô de Nova York, que ficaram completamente alagadas. Algumas estradas estão intransitáveis e há alerta de tornados no Bronx.

A governadora de Nova York, Kathy Hochul, e o governador de Nova Jersey, Phil Murphy, declararam estado de emergência. O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, também declarou emergência na cidade.

Os tornados gerados pela tempestade já atingiram partes da Pensilvânia e de Nova Jersey. Ao menos nove casas foram destruídas em Mullica Hill, e o aeroporto Newark Liberty suspendeu voos.

Desde domingo (30), o Ida já causou um rastro de destruição na Louisiana, no Mississippi e no Alabama, deixando ao menos seis mortos e muito prejuízo.

Quase 1,2 milhão de residências estão sem luz em seis estados nesta quinta-feira (2), segundo o site PowerOutage.us, que compila a falta de energia nos EUA:

  • Louisiana: 928,3 mil
  • Pensilvânia: 99,7 mil
  • Nova Jersey: 61,5 mil
  • Nova York: 42,9 mil
  • Mississippi: 37,3 mil
  • Connecticut: 17,9 mil

Furacão Ida

O Ida atingiu os Estados Unidos como um furacão de categoria 4 no domingo (30), exatos 16 anos após o Katrina devastar a Louisiana e o Mississippi e deixar 1,8 mil mortos e bilhões em prejuízos. Com ventos de 230 km/h, o Ida foi o 5º furacão mais forte da história a atingir o continente, segundo a agência de notícias Associated Press.

O Ida foi rebaixado para tempestade tropical na segunda-feira (30), mas continuou causando estragos pelo país.

15 mortos até agora

Antes das nove mortes em Nova York e Nova Jersey, a tormenta havia deixado seis vítimas em três estados: duas na Louisiana, duas no Mississippi e duas no Alabama.

No Alabama, dois eletricistas morreram quando consertavam danos causados à rede elétrica na terça-feira (31).

As duas vítimas na Louisiana são um homem de 60 anos que teve a casa atingida por uma árvore perto de Baton Rouge, a capital do estado, e um motorista que morreu afogado em Nova Orleans.

No Mississippi, duas pessoas morreram e dez ficaram feridas em uma rodovia destruída pelo furacão. Três dos feridos estão em condições críticas, segundo a polícia rodoviária do estado.

Autoridades dizem que o número de mortos poderia ter sido muito maior não fosse o sistema de diques que foi construído ao redor de Nova Orleans após a devastação do Katrina em 2005.

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

SIGA/CURTA

28,891FãsCurtir
1,510SeguidoresSeguir
1,440SeguidoresSeguir
358InscritosInscrever

VEJA TAMBÉM

EDP promove Feirão de negociação de débitos para comemorar 2 milhões de clientes

Neste 15 de setembro, dia do Cliente, A EDP, distribuidora de energia elétrica de Guarulhos, Alto Tietê, Vale do Paraíba e Litoral Norte de...

SpaceX faz primeiro voo orbital civil da história

A primeira missão espacial totalmente civil terá sua janela de decolagem aberta hoje (15), às 21h (horário de Brasília), para orbitar a Terra a mais de...

Projeto da Uerj quer medir carga de coronavírus no ar em tempo real

Cientistas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) estão trabalhando em um projeto, com o objetivo de desenvolver equipamento de baixo custo, capaz de...

Estação Engº. Goulart da Linha 12-Safira da CPTM terá ação voltada ao público LGBTQIA+

A estação Engº. Goulart da Linha 12-Safira recebe nos dias 20 e 21 de setembro, das 12h às 17h, a Unidade Móvel LGBTI para...

Emprego no comércio paulista registra a maior alta mensal desde novembro de 2020

O mês de julho registrou a maior evolução mensal absoluta, desde novembro de 2020, do mercado de trabalho celetista no comércio de São Paulo....