Confusão em frente à Câmara termina com bombas de gás e balas de borracha

Manifestantes contrários ao Projeto de Lei denominado Escola Sem Partido, proposto pelo vereador Láercio Sandes (DEM), e que tramita na Câmara de Guarulhos, entraram em confronto com a Guarda Civil Municipal na tarde desta quinta-feira, 3, nas proximidades da Casa de Lei, após um ônibus dos apoiadores do PL ligados ao Movimento Brasil Livre (MBL) ter sido depredado.

A confusão terminou com a GCM respondendo com bombas de gás lacrimogêneo e tiros de bala de borracha. Ainda não há informações sobre feridos.

A confusão começou na sessão desta quinta quando provocações por parte dos dois lados resultaram em um confronto. A GCM precisou separar os grupos.

Vídeos postados pelo MBL apontam os manifestantes de esquerda como agressores.