Água parada em terraço de casa na Brigadeiro Faria Lima

 

Na rua Geraldo Pereira dos Santos, número 36, travessa da avenida Brigadeiro Faria Lima, no Cocaia, o terraço de uma casa tem se tornado uma piscina cada vez que chove e com isso, um potencial criadouro do mosquito Aedes aegypti. Não há residentes no imóvel.

De acordo com Eugênio Asano, além do telhado quebrado, há uma caixa d’água que aparenta estar com a tampa quebrada. “Agentes da Saúde de Guarulhos vieram há uns 20 dias e constataram pela janela do meu escritório, que fica ao lado, a irregularidade. Porém, como a casa está fechada, não puderam entrar. Foram embora prometendo relatório e com uma recomendação: jogar sabonete na poça pra mudar o PH da água”, diz Asano, autor da denúncia.

Entrada forçada em residências com risco

A partir do dia 26 de janeiro, foi decretado situação de emergência na saúde de Guarulhos, por 180 dias; permitindo o ingresso forçado de agentes em imóveis particulares em caso de recusa e de risco à saúde. Nesse caso, Pode-se recorrer à Polícia Militar ou à GCM.