PF e receita apreendem mais de 20 kg de cocaína

A PF e Receita Federal apreenderam, entre os dias 24 e 25/8, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, droga oculta na bagagem de três passageiros de voos internacionais.

Policiais federais, que fiscalizavam as bagagens despachadas por passageiros de voo com destino a Portugal, desconfiaram do conteúdo de uma mala, após submetê-la ao raio-x. Os policiais diligenciaram junto ao portão de embarque e localizaram o proprietário da mala, um brasileiro, de 23 anos de idade, que pretendia viajar para a cidade do Porto. O suspeito foi conduzido à sede policial para acompanhar a realização de perícia em sua bagagem. Dentro da mala foram encontradas duas mochilas contendo tabletes de cocaína, cujo volume somou 10 Kg. O homem foi preso em flagrante.

No domingo (25), a equipe do K9 da Receita Federal, fiscalizava as bagagens despachadas pelos passageiros e que já estavam dentro dos containeres, para serem introduzidas no avião que partiria para Addis Ababa, na Etiópia. Os cães deram indicação de algo suspeito em duas bagagens. Elas foram separadas e submetidas ao aparelho de raio-x, momento em que os servidores da Receita Federal, devido às suspeitas, acionaram os policiais federais. Os proprietários das malas foram localizados e conduzidos à delegacia para acompanhar a revista em seus pertences. Na primeira mala, pertencente a um nigeriano de 49 anos de idade, que obteve refúgio no país e já se encontrava na condição de residente, foram encontrados quase 6 Kg de cocaína oculta em um fundo falso na sua mala. Já com o outro passageiro, também nacional da Nigéria, de 38 anos de idade e que também obteve refúgio no país e estava na condição de residente, os peritos federais encontraram 5 tabletes de cocaína ocultos dentro de um aparelho de som, com peso total de 6 Kg.

Os presos serão conduzidos aos presídios estaduais onde permanecerão à disposição da Justiça.