Ex-aluno da Escola de Inovadores cria startup de livros católicos

Se um bom empreendedor precisa ter fé, Ailton Guido, ex-aluno do programa Escola de Inovadores da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Guaratinguetá, decidiu seguir a filosofia ao pé da letra e criou a Mariae.club, uma plataforma online de assinatura de livros católicos que envia kits bimestrais com publicações para devotos de todo o Brasil. Os assinantes também têm acesso a área exclusiva com vídeoaulas, diário espiritual, planos de leitura e áudios com resumos comentados das obras.

Morador de Pindamonhangaba, na região do Vale do Paraíba, Ailton é técnico em Informática formado pela Escola Técnica Estadual (Etec) João Gomes de Araújo, gestor de negócios e palestrante em retiros espirituais ligados à Igreja Católica. Acompanhado por mais 73 mil seguidores no Instagram, ele conta que a ideia surgiu ao juntar suas duas vocações. “Pensei em unir minhas paixões e criar um e-commerce de livros para pessoas que buscam aprofundar conhecimentos em temas relacionados à fé.” Com a proposta, ele foi aprovado para a primeira turma da Escola de Inovadores da Fatec Guaratinguetá, em 2018.

Aceleradora de talentos

Escola de Inovadores é um curso de extensão gratuito da Assessoria de Inovação do Centro Paula Souza, a Inova CPS, oferecido em Etecs e Fatecs de diversas regiões do Estado para ensinar pessoas com espírito empreendedor a transformar ideias inovadoras em startups. “As oficinas me deram o conhecimento necessário para desenvolver e lançar o produto no mercado. Desde o planejamento e a estruturação do negócio, até a criação do produto e a busca por parceiros dispostos a apostar na iniciativa”, afirma.

Após nove meses de trabalho, a plataforma foi lançada, em março. O empreendimento tem a parceria de duas grandes editoras do segmento religioso e conta com o apoio de um padre brasileiro que atua no Vaticano como assistente do papa Francisco.   

Potencial de mercado

Entre as primeiras assinantes do clube, a jornalista Fernanda Maria Ribeiro diz que o diferencial está na seleção dos livros e na qualidade do material online. “O conteúdo tem linguagem simples e formato acessível, o que nos estimula a querer aprender cada vez mais com as histórias e os fundamentos abordados.”

Para o professor da Fatec Guaratinguetá e coordenador da Escola de Inovadores na região, Sergio Santos, o mercado de produtos religiosos na internet tem um grande potencial a ser explorado. “É um público-alvo muito fiel e engajado. Com o impulso das redes sociais, o projeto tem condições favoráveis de crescer e ganhar escala rapidamente”, destaca.